Ceclin
nov 22, 2012 0 Comentário


Lula Cabral, Prefeito do Cabo, está de malas prontas para o PSC

Blog do Jamildo

O prefeito do Cabo de Santo Agostinho – no Grande Recife -, Lula Cabral, recebeu um convite do vice-presidente nacional do PSC, Everaldo Pereira, para assumir o comando da legenda em Pernambuco, cargo ocupado atualmente pelo deputado federal Carlos Eduardo Cadoca. O prefeito está sem partido há cerca de seis meses, quando deixou o PTB. Em entrevista na rádio JC/CBN Recife nesta quarta-feira (21), o prefeito disse que está analisando a proposta e, antes de aceitar, vai conversar com o governador Eduardo Campos (PSB); o secretário estadual da Casa Civil, Tadeu Alencar; e Cadoca.

“Não quero tomar espaço de ninguém, fui convidado e estou analisando a possibilidade. Vou para o PSC se tiver o aval do governador. Se não, vou para o PSB”, ponderou. O encontro com Cadoca deve ocorrer nesta quinta (20).

Lula já vai participar de um encontro nacional do sócios-cristão para discutir o balanço das eleições municipais deste ano e definir articulações para os próximos nesta sexta (23) e sábado (24).

Questionado sobre seu rumo político no ano que vem, quando deixará a Prefeitura após ter eleito seu atual vice-prefeito, Vado da Farmácia (PSB), ele desconversou. Apenas disse que vai estudar inglês em janeiro para se aperfeiçoar.

O prefeito saiu do PTB após ter defendido a candidatura de Guilherme Uchôa (PDT) para presidente da Assembleia Legislativa de Pernambuco (Alepe) – nome bancado também pelo seu irmão, o deputado estadual Everaldo Cabral -, enquanto o PTB discordava.

Apesar da discordância, ele disse que “não tem nada contra” o senador e presidente estadual dos petebistas, Armando Monteiro. “Se o governador Eduardo Campos disser que o candidato do grupo a governador é Armando, vou subir ladeira em campanha para ele. Ele [Armando] tem todo o direito de pleitear uma candidatura”, comentou, sobre a eleição de 2014.