Ceclin
nov 12, 2021 0 Comentário


Liberada em Vitória vacinação contra Covid sem cadastro às sextas

Com mais de 23 mil pessoas em atraso da segunda dose em Vitória de Santo Antão, a Secretaria de Saúde e Bem-Estar da cidade inicia nesta semana a campanha ‘Sextou Sem Cadastro’, uma iniciativa que libera a vacinação contra Covid-19 sem a necessidade de cadastro ou agendamento todas as sextas-feiras, exclusivamente, para os grupos que já foram autorizados a receber os imunizantes.

O ‘Sextou Sem Cadastro’ surgiu como uma forma de facilitar o processo de vacinação. “Sabemos que algumas pessoas têm dificuldade de se cadastrar na internet. Apesar de já realizarmos o processo de maneira presencial, quisemos deixar o processo ainda mais ágil, evitando que o cidadão precise se deslocar para realizá-lo. Agora, basta ele ir às sextas a um ponto de vacinação para ser vacinado. Isso agilizará a imunização na nossa cidade”, explica a secretária de Saúde e Bem-Estar, Bruna Dornelas.

A campanha é válida para a primeira, a segunda dose para todas as pessoas acima de 12 anos, como também para a dose de reforço que está autorizada a ser aplicada em pessoas a partir dos 55 anos (esperando quatro meses depois da segunda dose), ou pacientes que tenham baixa imunidade (neste grupo precisa esperar o intervalo de apenas 28 dias).

Para poder ser vacinado, é preciso levar RG e carteira de vacina. No caso de quem já tomou a primeira dose, também é preciso apresentar o cartão de vacinação. Nos outros dias da semana, continua sendo obrigatória a realização do cadastro e agendamento.

No Município vem funcionando quatro pontos de vacinação. No Salão Paroquial da Matriz de Santo Antão, no SAMU e no Pátio de Eventos Otoni Rodrigues, o atendimento ocorre das 8h às 17h. Já no Vitória Park Shopping, segue o horário de funcionamento do centro de compras.

Números da vacinação – Desde 19 de janeiro, os profissionais de Saúde da Vitória de Santo Antão aplicaram até o dia 10 de novembro, 177 mil 595 doses da vacina contra a Covid-19, dos 4 fabricantes disponíveis no Brasil. Deste total, 100.020 foram referentes a primeira dose. Outras 73.567 pessoas já estão com o esquema vacinal completo. Quanto a dose de reforço, a vacina da Pfizer (exclusiva para esse público) foi aplicada em 3.853 pessoas.

Dose de reforço – Divulgada nova faixa etária para a vacinação de reforço contra a Covid-19. Agora, podem receber o imunizante pessoas a partir dos 55 anos. Além da redução da faixa etária, também foi autorizado a redução do tempo de espera entre a 2ª dose (ou dose única) e a de reforço. O intervalo para a aplicação do reforço vacinal era de 180 dias e passou de seis para quatro meses. Para as pessoas com baixa imunidade, segue valendo o intervalo de 28 dias depois da segunda dose ou aplicação única. Também estão aptos a tomar a dose de reforço: os profissionais de saúde, população de idosos em instituições de longa permanência.