Ceclin
nov 23, 2011 0 Comentário


Kleiton Lima deixa comando da Seleção Feminina

Foto: Divulgação

O técnico Kleiton Lima deixou o comando da Seleção Brasileira de Futebol Feminino, nesta semana, depois de quatro anos no cargo. Nesse período, o treinador conseguiu números expressivos, reconquistando o título do Campeonato Sul-americano de forma invicta (07 jogos, 07 vitórias, 30 gols marcados e nenhum sofrido), que garantiu classificação aos Jogos Olímpicos de Londres; foi vice-campeão (medalha de prata) dos Jogos Pan-americanos de Guadalajara, com o time mesclado com atletas da base e mesmo sem contar com nove titulares, dentre elas Marta e Cristiane; e caiu nas quartas-de-final da Copa do Mundo, após perder nos pênaltis para os Estados Unidos, que conseguiu o empate nos acréscimos da prorrogação, em duelo dramático.

Os números são significativos e demonstram a qualidade e a eficiência do trabalho desempenhado nestes quatro anos: 33 jogos, com 26 vitórias, 06 empates e apenas uma derrota, para Suécia, em partida amistosa, realizada na cidade de Estocolmo, em março de 2009. Antes de assumir a equipe principal, Kleiton comandou o selecionado sub-20, com a seguinte campanha: 16 jogos, 14 vitórias, um empate e uma única derrota, garantindo a conquista do Sul-americano da categoria e ficando com a quinta colocação na Copa do Mundo.

Além disso, Lima foi o responsável pelo processo de renovação no selecionado brasileiro, promovendo a seleção principal jogadoras jovens, que terão um futuro brilhante pela frente, para compor o grupo ao lado das atletas mais experientes. Esse trabalho iniciado vai ajudar bastante na continuidade do planejamento rumo aos Jogos Olímpicos de Londres, em 2012, e os Jogos Olímpicos no Brasil, em 2016.

“Pude fazer o que havia sido proposto quando assumi a Seleção Brasileira, ou seja, dei início a um processo de renovação, com várias jogadoras novas sendo chamadas e muitas demonstrando que tem condições de seguir, sempre mescladas com as mais experientes. O trabalho foi bem executado tudo o que havia sido elaborado e planejado, resultaram em bons frutos e bons resultados, na questão dos números, creio que foram bem positivos, já que sofremos uma única derrota, contando os jogos oficiais, amistosos, torneios e competições FIFA”, explica Kleiton.

“O resultado da Copa do Mundo, quando almejávamos brigar pela conquista do título, ficou abaixo do que esperávamos, pois queríamos chegar à decisão e brigar pelo inédito título, mas todos viram como foi à partida eliminatória contra o time norte-americano. No restante, os números provam que o objetivo foi alcançado, inclusive, qualificando o futebol feminino brasileiro para os Jogos Olímpicos de Londres, que era um dos objetivos desde a minha chegada”, complementa o treinador.

Agora, Kleiton Lima passa a se dedicar somente ao comando técnico do Vitória (PE). “Quero agradecer a diretoria da Confederação Brasileira de Futebol (CBF) pela oportunidade e desejar sucesso a todos na sequência. Continuo sendo um profissional que sonha em ver o futebol feminino brasileiro alcançar o topo do mundo”, finaliza Kleiton.

 com informações da Assessoria.