Ceclin
Maio 09, 2017 0 Comentário


Justiça Eleitoral de Glória multa ex-gestor por divulgar pesquisa não oficial

Internauta no facebookA Justiça Eleitoral da 21ª Zona de Glória do Goitá, na Mata Norte, condenou o ex-Diretor de Cultura, Esportes e Eventos da Prefeitura, Jarbas José Gomes da Silva, a pagar multa no valor de R$ 53.205,00 mil, por ter divulgado em redes sociais, através da sua página no Facebook, uma pesquisa eleitoral – sem registro oficial –  em favor do ex-prefeito Zenilto Miranda, então candidato a reeleição pelo PTB em 2016.

A sentença da Juíza Eleitoral Alexandra Loose, é do último dia 28 de abril e não cabe mais recurso, pelo qual foi ingressada pela Coligação Unidos por Glória do Goitá, que deu sustentação política a prefeita eleita Adriana Paes (PR).

Segunda a sentença proferida, foi determinada à sanção pecuniária aos responsáveis pela divulgação de pesquisa sem o prévio registro, conforme o art. 487, I do CPC. A multa será revertida em favor do Fundo Partidário, em atenção ao art. 38, I, da Lei n° 9096/95.