• Ceclin
dez 11, 2008 1 Comentário


Juiz manda afastar reitor da Univasf

Publicado em 11.12.2008
José Weber Freire de Macedo é acusado de irregularidades enquanto comandava a Universidade Federal do Espírito Santo. Ainda cabe recurso da sentença

A Justiça Federal do Espírito Santo condenou o reitor da Universidade Federal do Vale do São Francisco (Univasf), José Weber Freire de Macedo, à perda do cargo e pagamento de multa por improbidade administrativa. O processo refere-se a irregularidades constatadas quando ele exercia o primeiro mandato de reitor na Universidade Federal do Espírito Santo (UFES), em 1997. Não se trata de decisão final, pois cabe recurso da sentença proferida pelo juiz Daniel de Carvalho Guimarães, da 6ª Vara Cível.

A ação civil pública foi impetrada pelo Ministério Público Federal. Entre os motivos, estão procedimentos em desacordo com a lei adotados pelo então reitor da UFES em sindicâncias e processos administrativos disciplinares. Na decisão, publicada no Diário Oficial do Espírito Santo em 11 de novembro último, o magistrado acatou parcialmente o pedido do Ministério Público.
O juiz ordena a perda do cargo de reitor da Univasf e de qualquer outra instituição de ensino à qual José Weber Freire de Macedo estiver vinculado após a fase de cumprimento da sentença. Também determina a perda dos direitos políticos por três anos e o pagamento de multa. “Corresponde a dez vezes o valor da remuneração recebida enquanto ocupou o cargo de reitor da UFES”, diz o texto da decisão. O montante deverá ser acrescido de juros de mora e atualização monetária.
José Weber Freire de Macedo estava ontem em Brasília e só se pronunciará sobre a decisão judicial amanhã. É quando estará de volta a Petrolina, Sertão do Estado, onde fica a reitoria da Univasf. Segundo a assessoria de imprensa, o procurador da universidade emitirá, hoje, nota oficial esclarecendo a questão.
O vice-reitor da instituição, Paulo César Silva de Lima, declarou que a Univasf não recebeu informações oficiais sobre a sentença. “Mas a questão diz respeito à época em que o reitor estava no Espírito Santo. Só ele pode se pronunciar, até porque há prazo para recorrer”, explicou.
O reitor participou do processo de implantação da Univasf, que mantém câmpus em Petrolina, Juazeiro (BA) e São Raimundo Nonato (PI). De 1996 a 2004, comandou a UFES. Em 2005, foi eleito para a reitoria da Univasf e reeleito este ano para mais um mandato. É doutor em administração social pela University of Wales College of Cardiff (Grã-Bretanha) e mestre em Psicologia do Trabalho pelo Stevens Institute of Technology (EUA).
(Jornal do Commercio).