Ceclin
nov 30, 2012 1 Comentário


Juiz anula eleição em Água Preta

O Juiz Eleitoral do município de Água Preta, na Mata Sul do Estado, Carlos Eugênio, anulou na noite dessa quinta-feira (29), as eleições realizadas este ano na cidade. A sentença ainda não foi publicada no Diário Oficial.

Tanto Armando Souto (PDT) que obteve mais de 50% dos votos válidos quanto Eduardo Coutinho (PSB), atual prefeito do município, participaram da disputa.

O empresário Armando Souto que novamente concorrerá ao cargo, só que desta vez, com o aval do partido, regional e nacional, em razão de que na última eleição teve complicações com a Justiça por conta do partido, fazendo o pedetista disputar sub judice. Souto concorreu sem o apoio da legenda, inclusive com o presidente do partido em Pernambuco, Zé Queiroz (PDT), anulando a convenção realizada em 17 de julho. Devido à situação, Souto teve seu registro indeferido, mas entrou com recurso e continuou na disputa.

Armando obteve 8.764 votos, o que representou mais de 50% dos votos do município, ficando assim, em primeiro lugar na disputa para prefeito da cidade. Segundo colocado, Eduardo Coutinho obteve 7.776 votos e na terceira posição ficou o PV, Tibério de Dito com apenas 74 votos.

Caso nova eleição não seja realizada a tempo, a cidade será administrada provisoriamente pelo presidente da Câmara de Vereadores. O Tribunal Eleitoral de Pernambuco (TRE-PE) não se pronunciou ainda sobre o caso.