Ceclin
mar 18, 2016 0 Comentário


Impasse entre Moreno & Vitória: Cidade de Deus é órfã de básicos serviços públicos

Posto de saúde de Cidade de Deus

O Posto de Saúde da comunidade de Cidade de Deus, localidade que vive o dilema se pertence a Moreno (RMR) e ou a Vitória de Santo Antão (Mata Sul), sofre há anos com a precariedade dos serviços públicos básicos (Entenda melhor AQUI) numa área que também é conhecida por Bonança II.  Segundo relatos de leitores do Blog, aquela unidade de saúde fica fechada durante parte do dia, o que vem se repetindo desde o último mês de dezembro. No Posto há apenas um médico atendendo, porém só uma vez a cada semana. “Saí cedo, às 7h, para vir para cá e ao chegar me deparei com isso. Agora que dia eu vou poder vir e encontrar um mínimo de atendimento? Eu continuo com dor na mão e no braço”, disse uma moradora de Cidade de Deus, suspeita de estar infectada pelo Zika vírus provocado pelo mosquito Aedes Aegypti.

cidade de deus dengueO atendimento no Posto de Saúde se encontra precário, pois nem todos os usuários conseguem se quer passar por uma consulta no local. Lá também não dispõe de enfermeira, além do fato dos leitores do Blog relatarem através do WhatsApp A Voz da Vitória (81) 9 9992-9364 de que as atendentes tratam os pacientes com ignorância. Antes de dezembro, tanto o médico quanto a enfermeira atuavam três vezes por semana. “Olha o povão todo aí! Muita gente perdendo o serviço que nem eu para vir aqui e não ser atendido. A Prefeitura de Vitória, responsável pela unidade, ou melhor deveria ser a responsável, abandonou Cidade de Deus. O dinheiro é gasto com tanta coisa, por que não se coloca médico aqui?”, provoca um dos leitores que pediu para não ser identificado.

 

Epidemia de Dengue em Cidade de Deus

Desde quando a  epidemia da Dengue assolou o Estado de Pernambuco, os agentes comunitários de Saúde não apareceram em nenhuma parte da comunidade. Os moradores cobram tanto das Prefeituras de Vitória quanto a de Moreno uma solução para este impasse, sobretudo para que estes agentes compareçam e vistoriem tudo: as ruas, casas, quintais e terrenos baldios e façam a necessária intervenção.

Em cada parte da localidade é possível encontrar água parada em todo tipo de recipiente, muitas delas com larvas do mosquito Aedes aegypit, o que têm aumentado as notificações neste ano na artéria que margeia a rodovia BR 232, com casos de muita gente infectada pelo mosquito.

 

Cidade de Deus

Enquanto não se delega as responsabilidades entre as Prefeituras, Cidade de Deus sofre com várias ruas sem pavimentação, saneamento, precária iluminação e acúmulo de lixo e entulhos por toda parte. Fotos: WhatsApp A Voz da Vitória (81) 9 9992-9364