Ceclin
nov 30, 2012 0 Comentário


Homem invade Fórum, apunhala mulher e tenta se matar em Buenos Aires

O suspeito do crime já recebeu alta e foi autuado por tentativa de homicídio com o agravante de violência doméstica familiar, pena que envolve a Lei Maria da Penha. Ele foi encaminhado ao Presídio da Vitória de Santo Antão, onde ficará à disposição da Justiça

 

Um trabalhador rural de 45 anos foi preso após invadir o Fórum do município de Buenos Aires, na Zona da Mata Norte de Pernambuco, desferir vários golpes de canivete contra a mulher e tentar se matar. De acordo com a polícia, o agricultor feriu a companheira ao entrar numa das salas do prédio e vê-la conversando com uma defensora pública, que presenciou o crime. Em seguida, ele fez vários cortes pelo corpo. O trabalhador rural não aceitava a separação proposta pela mulher, uma empregada doméstica de 45 anos.

O crime aconteceu na tarde de quinta-feira (29). Os dois foram socorridos e levados para uma unidade de saúde da região e, depois, transferidos para o Hospital Getúlio Vargas, no Cordeiro, na Zona Oeste do Recife. Segundo a polícia, a esposa já havia entrado com o pedido de separação no Fórum da cidade, mas o marido não se conformava com o divórcio.

Conforme a polícia, o trabalhador rural havia saído de casa por causa de um relacionamento com outra mulher. Ele teria se arrependido e voltou para a esposa, que relutou em voltar com o marido. Ela, então, resolveu se separar legalmente e procurou a ajuda de uma defensora pública.

Na tarde da quinta-feira, o agricultor invadiu o Fórum e iniciou uma discussão com a mulher. Após o bate-boca, ele puxou do bolso um canivete e apunhalou a esposa pelas costas. A mulher conseguiu sair do local, junto com a defensora, e o marido ficou sozinho na sala. Ele tentou cometer suicídio e realizou cortes nos pulsos, no pescoço e no peito, numa área próxima ao coração. Segundo a polícia, o Fórum estava sem segurança no momento da ocorrência porque os guardas davam apoio a um julgamento que era realizado num clube da cidade.

A mulher continua internada no Hospital Getúlio Vargas, onde passa por cirurgia nesta sexta (30). O suspeito do crime já recebeu alta e foi autuado por tentativa de homicídio com o agravante de violência doméstica familiar, pena que envolve a Lei Maria da Penha. Ele será encaminhado ao Presídio de Vitória de Santo Antão, na Mata Sul do Estado, onde ficará à disposição da Justiça. O caso será investigado pelo delegado de Buenos Aires, Sérgio Cantinho Salsa.