Ceclin
abr 01, 2008 5 Comentários


Golpe Militar é debatido na VOZ DA VITORIA

No espaço de entrevistas após os nossos noticiários o Programa A VOZ DA VITÓRIA pela Rádio Tabocas FM (98.5) trouxe a discussão histórica dos 44 anos do Golpe Militar no Brasil, implodido em 31/03 e 01/04 de 1964. Entrevistamos o Sr. Zito da Galiléia (José Joaquim da Silva), militante histórico. Ele coordena um Núcleo de Preservação da história das Ligas Camponesas que nasceram no Engenho Galiléia, zona rural da Vitória, pelo qual atua para divulgar a historicidade política daquela localidade.
As Ligas Camponesas foi um dos movimentos populares importantes e teve impulso na Terra das Tabocas, culminando para o restante do País na defesa das Reformas de Base, a exemplo da Reforma Agrária. Em entrevista concedida o sr. Zito da Galiléia falou dos momentos históricos conturbados naqueles dias negros para a história brasileira. Após a renúncia de Jânio Quadros, assume a presidência da República o João Goulart que sofreu fortes resistências da elite econômica e dos setores militares, culminando com o golpe e décadas de ditadura militar.
Destacou que a deposição de Goulart e de Arraes no Governo de Pernambuco, assim como outros governadores e políticos, deveu-se as posições assumidas de esquerda e ligação com os movimentos sociais, temidos na época. “A interferência dos EUA e do poderio bélico da elite militar determinaram o nosso retrocesso democrático”, avaliou seu Zito.
Ele ainda considerou que devemos ter essa fase negra do nosso País como experiência para que possamos aprimorar nossa democracia, com a participação popular nas decisões de seu governo. Lamentou que o Estado brasileiro ainda não tenha disponibilizado o seu acervo dos desaparecidos políticos e o que realmente aconteceu nos porões covardes da ditadura Militar. “É preciso que façamos a cobrança para que estes arquivos se torne público. Tenho feito um registro histórico destes acontecimentos em Galiléia, acho que cada um deva fazer sua parte para não apagar a nossa memória”, defendeu Zito. No final deixou um DVD “A liga que ligou o Nordeste”. Se trata de um documentário de toda a história dos anos de movimento popular no Engenho Galiléia, que será sorteado para os ouvintes e internautas que responderem corretamente a pergunta solicitada no Programa.

Apresentação: Lissandro Nascimento.
Colaborou: Jáder Siqueira e Gilberto Júnior.