Ceclin
out 13, 2008 0 Comentário


Gestores de olho na Assembléia

Na eleição de domingo (05), não faltou deputado estadual eleito para comandar prefeituras. O próprio João da Costa, no Recife, é um exemplo. Além dele, estão na lista José Queiroz (PDT), eleito em Caruaru, Lourival Simões (PR), vencedor em Petrolândia, Elias Lira (DEM), futuro prefeito da Vitória de Santo Antão, e Ricardo Teobaldo (PSDB), que sagrou-se vitorioso em Limoeiro.
Pois bem, a via para se manter no poder é de mão dupla. Muitos chefes de Executivo reeleitos, cujos mandatos se encerrarão em dezembro, já estão de olho numa cadeira do Legislativo estadual em 2010. Em Igarassu, o prefeito Severino Ninho deve ser o nome do PSB para a disputa no Litoral Norte. Depois de eleger o sucessor, Gesimário Baracho, com 55,9% dos votos (24 mil), Ninho se credencia para a disputa.
Além disso, ele conta com o apoio do prefeito reeleito de Paulista, seu padrinho político Ives Ribeiro (PSB), e se beneficia com a desistência da deputada Ceça Ribeiro (PSB) de concorrer a nova vaga na Casa. Representante do partido socialista no Litoral Norte, Ceça já adiantou que abrirá mão da disputa por ter se decepcionado com as dificuldades políticas do mandato.
Outro que aparece na lista de possíveis candidatos é o prefeito Belo Jardim, João Mendonça (DEM), que elegeu o aliado Marco Coca-Cola (DEM), com 50,9% dos votos (20,7 mil). Integrante do grupo dos Mendonça, João já esteve na Assembléia de onde saiu para comandar o município do Agreste. Em Carpina, o ex-prefeito Carlos Lapa (PSB) também já se articula para brigar por uma cadeira no Legislativo. Se eleito, retomará o espaço ocupado pela deputada Carla Lapa (PSB), sua filha, que também não tem mais interesse em renovar o mandato.
(Diário de Pernambuco).