Ceclin
mar 24, 2017 0 Comentário


Gameleira: MPPE recomenda que prefeita e secretários se abstenham de tomar medidas que configurem perseguição política

Gameleira

O Ministério Público de Pernambuco (MPPE) recomenda à prefeita de Gameleira, na Mata Sul, e aos secretários municipais que se abstenham de tomar medidas que configurem atos de perseguição política no âmbito da administração municipal. Todas as transferências de servidores realizadas desde o início da gestão e as que porventura venham a ser realizadas devem ser fundamentadas de modo plausível.

Segundo a promotora de Justiça de Gameleira Liana Menezes Santos, a Promotoria de Justiça recebeu inúmeras denúncias sobre ocorrência de possível perseguição política no âmbito da administração municipal. Essa perseguição seria efetuada, segundo a promotora de Justiça, mediante transferências de funcionários dos seus setores de trabalho, e que algumas dessas transferências estão sendo feitas sem a menor razoabilidade e sem atos administrativos que fundamentam a decisão como de interesse público. A recomendação foi publicada no Diário Oficial.

Assessoria