• Ceclin
nov 29, 2017 0 Comentário


Vitoriense Fernandes Rodrigues é premiado em seleção nacional do Ministério da Cultura

Fernandes Rodrigues

MinC seleciona 200 artistas no País. Na região além de Vitória se destacam Mestres de Feira Nova, Glória, Gravatá e Lagoa de Itaenga

por Lissandro Nascimento

A Secretaria da Cidadania e da Diversidade Cultural do Ministério da Cultura homologou o Resultado Final do Edital de Seleção Pública 2017, referente a “Culturas Populares Edição Leandro Gomes de Barros”, publicado no Diário Oficial da União do último dia 27 (Confira AQUI). O escultor, artesão e mestre Fernandes Rodrigues de Oliveira, de Vitória de Santo Antão, na Zona da Mata, foi premiado entre duzentos Mestres (as) de todo o País pela dedicação a arte popular brasileira, conquistando a nota 97.

Após ter sequenciais destaques nas edições da Fenearte, Fernandes Rodrigues enriquece ainda mais o seu portfólio de reconhecimento e premiação diante da 5ª edição do Prêmio Culturas Populares, do Ministério da Cultura, que vai premiar com R$ 10 mil 500 iniciativas de mestres, grupos/comunidades e instituições privadas que mantém vivo o patrimônio da cultura popular do País. O objetivo do Prêmio Leandro Gomes de Barros é estimular uma das nossas maiores riquezas, a cultura feita pelo povo do Brasil, contando com um número recorde de inscrições (2.862). Em breve, O Minc estará realizando evento de entrega das premiações.

LEIA TAMBÉM: - Projetos culturais de três vitorienses são aprovados no Funcultura PE

Além do reconhecimento premiado a Fernandes, também foi contemplado outros artistas e entidades de Vitória de Santo Antão, a exemplo da classificação de Raphael Gustavo Soares Ferreira, nota 81,5, bem como duas instituições, a LiterAtos coordenada por Rafael Augusto Costa de Oliveira (90,5) que acabou PREMIADA e As Caluas de Pirituba organizada por Severina Rosa da Cunha ficou entre as classificadas nas pessoas jurídicas desta edição. Portanto, Fernandes Rodrigues foi o único artista vitoriense – pessoa física – premiado.

Leandro_Cordel_imagemLeandro Gomes de Barros 

Leandro Gomes de Barros, paraibano, nascido em 1865, considerado o rei dos poetas populares do seu tempo.  Foi um dos poucos poetas populares a viver unicamente de suas histórias rimadas, que foram centenas. Leandro versejou sobre todos os temas, sempre com muito senso de humor. O poeta Carlos Drummond de Andrade assim o define: “Leandro foi o grande consolador e animador de seus compatrícios, aos quais servia sonho e sátira, passando em revista acontecimentos fabulosos e cenas do dia-a-dia…”

CONFIRA LISTA DOS MESTRES PREMIADOS DE PERNAMBUCO:

Antônia Maria Rodrigues – Ilha de Itamaracá

José Antônio da Silva – Jaboatão dos Guararapes

Maria da Glória Braz de Almeida – Olinda

Thomaz Aquino Leão – Recife

Valdir Soares Fernando – Olinda

Wilson Ribeiro da Silva – Recife

Sebastião Alves Cordeiro Filho – Caruaru

Severino Pereira dos Santos – Caruaru

Cirleide do Nascimento Silva – Glória do Goitá

Aguinaldo da Silva – Olinda

Antônio Roberto Nogueira Barros – Olinda

Cecília Maria de Oliveira – Olinda

José Francisco Borges – Bezerros

Maria Jacinta Sampaio da Silva – Santa Maria da Boa Vista

Ana Martins da Costa – Fernando de Noronha

Marcone Alves de Sousa – São Lourenço da Mata

Marliete Rodrigues da Silva – Caruaru

Antônio Joaquim de Santana – Vicência

João Laurentino da Silva – Feira Nova

Luiz Gonzaga de Oliveira e Silva – Gravatá

Carlos Soares da Silva – Cupira

Deonice Francisca Conceição da Silva – Olinda

Fernandes Rodrigues de Oliveira – Vitória de Santo Antão

José Lopes da Silva Filho – Glória do Goitá

José Severino dos Santos – Lagoa de Itaenga

José Mariano de França – Camaragibe

Antônio de Lisboa Filho – Recife

José Eugenio de Souza – Ilha de Itamaracá

José Evangelista Rodrigues Cavalcanti – Olinda

Luiz Gonzaga de Lima – Garanhuns

Maria Dulce de Lima Pessoa – Tabira

João Alfredo Marques dos Santos – Caruaru

Luiz Antônio da Silva – Caruaru

Severino Joventino dos Santos – Lagoa do Itaenga

Joaquim Ferreira Filho – Vicência

Maria de Fátima Marinho – Recife

Laurinete de Moraes Cavalcante de Albuquerque – Recife.