• Ceclin
dez 31, 2016 0 Comentário


FELIZ 2017: Procuremos fazer o bem

Praça do Anjo - Vitória Sto. Antão - Foto André Carvalho

“Só uma certeza poderá se ter, a alma colhe delas imenso bem”. Foto: André Carvalho

por Tereza Cristina Soares

Seja hoje ou amanhã, a cada dia ou a cada hora, procuremos sempre fazer o bem acima de tudo, não importa a quem!

Quando fazemos o bem, a nossa luz interior resplandece, iluminando nosso caminho e dissipando todas as trevas que o mal tenta obscurecer. Então caminhemos, pois, de tal forma, fazendo o bem, para que o melhor possa nos favorecer. Para que isso aconteça, basta apenas invocar a caridade e a bondade, e o bem surgirá dentro de nós; fazendo maravilhas aos outros e fazendo-nos sentir com um verdadeiro discípulo do Mestre.

Mas não sejamos egoístas, busquemos também os companheiros de ideal, que conosco queiram trabalhar e unidos possamos muito mais ajudar. Contudo, não esqueçamos que não podemos exigir flores do pedregulho ou uvas no espinheiro, entretanto, o que importa é o quanto podemos fazer; o quanto podemos ajudar; não importando o quanto de recursos a vida irá nos ofertar; mas, sim, o que nós poderemos dar e realizar.

Quem ainda admira um por do sol. Quem ainda se extasia diante de um sorriso de criança. Quem ainda fecha os olhos e abre o coração diante da imensidão do mar. Quem ainda acredita na felicidade, que crer no amor. Quem ainda sabe penetrar na poesia da vida. Quem olha as estrelas da noite e passa o tempo sonhando com alguém distante, feche os olhos agora… não pense… pare… faça uma prece, dedique a alguém, e você estará fazendo um enorme bem.

Quem faz do advento um tempo de reconciliação, de retorno à verdade. Quem procurou ser mais humano mais maduro. Quem se empenhou para levar ao seu lar as mensagens de Jesus, não recue… não pare… procure fazer o bem cada vez mais, sem olhar a quem.

Quem descobriu nas pequenas coisas a presença de Deus, que Deus te abençoe e ilumine. Que todo nós possamos ser pessoas alegres, amigas e sinceras, pois só assim a felicidade será sempre como uma primavera. Tenhamos sempre dentro de nós: a euforia, a alegria, a fé e a caridade, seja em casa ou onde for, façamos delas o nosso ideal de amor.

Assim como o sol nasce todas as manhãs, assim como as estrelas brilham todas as noites, que nós possamos nascer todas as manhãs, procurando fazer o bem, para que à noite o nosso espírito possa brilhar como as estrelas, iluminando o caminho de alguém. Procuremos no bem o sentimento para que a nossa existência, para que um dia possamos realmente fazer alguém feliz. A tarefa é longa e difícil, porque as dificuldades são grandes, mas quem foi que disse que seria fácil?

Só uma certeza poderá se ter, a alma colhe delas imenso bem. Porém, para que isso aconteça, é preciso coragem para se libertar das rotinas às quais nos entregamos no decorrer de nossas vidas. Tenhamos fé, e acreditemos.

Muita Paz. Feliz 2017!

 

por Tereza Cristina Soares, é do Centro Espírita O Codificador