Ceclin
abr 11, 2016 0 Comentário


Ex-senador Ney Maranhão morre aos 88 anos no Recife

neymaranhao4

Ele estava internado no Hospital Jayme da Fonte e faleceu nesta segunda. Maranhão foi prefeito de Moreno, quatro vezes deputado e senador por PE

O ex-senador Ney Maranhão, 88 anos, morreu na manhã desta segunda-feira (11), no Hospital Jayme da Fonte, nas Graças, no Recife, por volta das 9h30. A notícia foi confirmada por Eduardo Maranhão, neto do político. Ele estava com câncer. O corpo de Ney Maranhão será velado na Assembleia Legislativa de Pernambuco e cremado no Cemitério Morada da Paz, em Paulista, Região Metropolitana do Recife. O horário do velório ainda está definido. O corpo dele ainda permanece no hospital.  Ney Maranhão foi prefeito de Moreno (Região Metropolitana), deputado federal por quatro legislaturas e senador da República de 1988 a 1995.

Também ocupou cargo de assessor especial do ex-presidente Fernando Collor de Melo e e foi Presidente da Câmara de Comércio Brasil/China Mercosul Pacífico. Maranhão ficou famoso durante um período muito conturbnado da recente história política do Brasil: o impeachment do ex-presidente Color de Mello. Com seu terno de linho e suas sandálias de couro inseparáveis, ele ficou conhecido por integrar a tropa de choque colorida. Foi um dos três senadores que votaram contra o impedimento do ex-chefe do Executivo nacional. Era chamado de “Senador Boiadeiro’ e ganhou fama nacional pela defesa das relações entre o Brasil e a China.

Repercussão
Pelas redes sociais, os políticos manifestaram apoio aos familiares do ex-senador. O primeiro foi Adilson Gomes Filho, prefeito de Moreno. “Nossos sentimentos à familia e aos amigos”, escreveu.

G1/PE