Ceclin
jul 21, 2011 0 Comentário


Ex-prefeito de Água Preta tem contas rejeitadas pela Câmara

Girope.com

A Câmara de Vereadores da cidade da Água Preta, localizada na Mata Sul de Pernambuco rejeitou, em segunda votação, as contas do ex-prefeito Paulo Humberto Barreto (PR) referentes ao ano de 2007.

A sessão foi realizada na noite desta quarta-feira (20), e foi bastante tumultuada. Mais de 300 pessoas se aglomeraram em frente e no interior do prédio do legislativo municipal.

Muitas pessoas vibraram com o placar de 7×2 contra o ex-gestor Paulo Barreto (PR). Só votaram a favor dele os vereadores Téo (PHS) e Minel (PRP), que são seus cunhados
Os parlamentares sustentaram, assim, o parecer sugerido pelo Tribunal de Contas dos Municípios – TCM, que opinou pela rejeição das contas de Paulo Humberto Barreto (PR) de 2007.

Com a votação a favor da rejeição de suas contas, o ex-gestor fica inelegível por oito anos, conforme a Lei da Ficha suja. As coisas não andam nada boa para a família Barreto, que até o momento tem o ex-deputado estadual Barreto com os direitos políticos cassados e agora o seu irmão Paulo Barreto.