Ceclin
dez 02, 2022 0 Comentário


Estudantes de escolas públicas de PE são contemplados com chips para acessar internet

Alunos da rede pública de Pernambuco serão os primeiros do Nordeste a receber chips de rede banda larga gratuitos acessar a internet. Ao todo, serão dez mil estudantes do Ensino Básico, matriculados em escolas públicas nordestinas, contemplados com o equipamento em suas casas para conseguir recuperar o aprendizado perdido durante o período de fechamento de escolas na pandemia.

A primeira fase do programa será implantada em 15 escolas de seis municípios. Em Pernambuco, as entregas acontecerão em Caruaru e Petrolina. Também serão contemplados Mossoró e Caicó, no Rio Grande do Norte; Juazeiro, na Bahia; e Campina Grande, na Paraíba. No total, está prevista a distribuição de 700 mil chips para estudantes do Ensino Básico da rede pública de todo o Brasil.

O programa é realizado pelo Ministério das Comunicações em parceria com o Ministério da Educação e operacionalizado pela Rede Nacional de Pesquisa (RNP). Os alunos terão acesso a pacote de dados de 20 GB, renovado todo mês de forma automática. Essa é a primeira vez que o Brasil participa de um programa de conectividade voltado para educação pública que conta com o chip universal – também conhecido como “neutro”.

A tecnologia foi adaptada à necessidade do Programa Internet Brasil pela startup pernambucana Base Mobile, que forneceu os chips no formato de e-SIM card. Os alunos só poderão acessar conteúdos voltados para o aprendizado, uma vez que os gestores educacionais e professores terão como gerar relatórios e acompanhar em detalhes o consumo dos conteúdos pedagógicos.