Ceclin
jul 03, 2012 34 Comentários


Estadual do PP ‘enquadra’ Irmão Madi para se coligar com Elias Lira

Ligado ao Deputado Federal Eduardo da Fonte, tanto o PP quanto o PSL sob a condução de Madiael Leal, mais conhecido por Irmão Madí (PP), acabou ‘enquadrado’ na última sexta-feira pelo Diretório Estadual do Partido Progressista a parar todas as articulações políticas que estavam em andamento em Vitória de Santo Antão para permitir que o partido concretizasse uma coligação com o atual prefeito Elias Lira (PSD).

Inicialmente, tanto o PP quanto o presidente do PSL Vitória, Manoel Aldo, tentavam montar um chapão com o  PT e o PCdoB na disputa à Câmara Municipal e estavam decididos em apoiar um nome do grupo para prefeito, que seria a do empresário Jailton Albuquerque (PT), pelo qual viabilizaria a sua decisão de sair candidato a vereador com os demais candidatos do seu partido, depois que se convenceu em retirar o seu nome como pré-candidato a prefeito de Vitória.

Questionado pelo Blog A Voz da Vitória, Irmão Madi confirmou esta determinação do Diretório Estadual do PP, pelo qual acabou compondo uma coligação na proporcional com o PSD, PR, PSC, PSDC e PRP. “De fato fomos pegos de surpresa com esta decisão do Diretório Estadual. Estamos avaliando como proceder daqui para quinta-feira”, confidenciou ele.

De acordo com informações reservadas colhidas pelo Blog com alguns pré-candidatos do PP de Vitória, estes nos contaram de que houve uma articulação “por cima” atribuída ao Dep. Henrique Queiroz (PR), pai do vice-prefeito Henrique Filho, candidato a reeleição junto com Elias Lira (PSD), na pretensão de viabilizar a vinda destes dois partidos ao palanque do atual prefeito.