Ceclin
dez 18, 2012 0 Comentário


Espetáculo Luiz Lua Gonzaga acontece nesta terça no Distrito de Pirituba, em Vitória

Criado em 2004 no curso de Licenciatura em Artes Cênicas da UFPE, fruto de um trabalho de pesquisa e experimentação constante na cena teatral recifense, o grupo Magiluth, que é apontado como um dos principais grupos teatrais do Estado celebra este ano o centenário do músico pernambucano Luiz Gonzaga com o espetáculo Luiz Lua Gonzaga.

Este projeto que possui patrocínio da FUNARTE – Fundação Nacional de Artes, atraca nessa terça-feira (18), no Distrito de Pirituba, em Vitória de Santo Antão, Zona da Mata do Estado, em praça pública, tendo início às 15h, devendo concentrar um bom número de expectadores.

Com este projeto, o Grupo Magiluth presta sua segunda homenagem a um artista pernambucano, tendo em agosto deste ano estreado o espetáculo “Viúva, porém Honesta”, baseado no texto do dramaturgo Nelson Rodrigues, também no seu ano de centenário. As apresentações deste projeto especial prezam pela descentralização através da rua. Desta forma o Grupo Magiluth atinge diferentes públicos.

O espetáculo é antes de tudo uma celebração e tem como mote um conjunto de pessoas que esperam a volta da chuva, pelo retorno de um rei e divagam poeticamente sobre questões do ser e viver no Nordeste. “Luiz Lua Gonzaga” não é uma história com começo, meio e fim, mas uma série de situações poéticas em homenagem ao Rei do Baião. A peça tem a direção de Pedro Vilela.