• Ceclin
out 30, 2019 0 Comentário


Escola de Vitória entre as três finalistas no Desafio Inova Escola

escolas-conectadas-capa-736x341

Iniciativa lançada pela Fundação Telefônica Vivo vai premiar projetos colaborativos de inovação nas escolas 

A Fundação Telefônica Vivo acaba de selecionar os projetos finalistas do Desafio Inova Escola, cuja premiação final acontecerá em São Paulo, no dia 13 de novembro. Na primeira fase, a iniciativa mobilizou 4,2 mil educadores que participaram da trilha formativa, com 1.250 equipes de educadores, de 1.182 escolas. Houve representação de todos os estados brasileiros mais o Distrito Federal, totalizando, 763 municípios. A escola pública representou 90% do total de inscrições. Na região Nordeste, houve 341 projetos inscritos, representando 28,8%. Agora, foram selecionados 5 de cada região do Brasil, completando 25 finalistas. Em Pernambuco, três projetos são finalistas.

Entre os dias 8 e 11 de novembro, estará aberta a votação popular para reconhecer os projetos mais votados por região. A votação ocorrerá pelo site do Desafio: www.desafioinovaescola.org.br. A premiação mais aguardada, no entanto, ocorrerá no dia 13 de novembro, quando representantes dos 25 projetos estarão em evento em São Paulo para conhecer os finalistas da etapa nacional. Um júri de especialistas irá escolher os 5 projetos destaques, sem proporcionalidade por regiões. As equipes finalistas receberão assessoria técnica especializada por seis meses, cuja função é de apoiar a implementação e avaliação-pós do plano e apoio financeiro de até R$ 10 mil por projeto, além de um intercâmbio entre representantes dos planos selecionados e outras escolas inovadoras brasileiras.

Os finalistas 

Nordeste

Bastião atômico – Escola Municipal de Tempo Integral São Sebastião – Jaboatão dos Guararapes (PE)

Equipe Santa Terezinha – Escola Municipal Santa Terezinha – Coruripe (AL)

Expandindo conhecimento – Escola Municipal Maria José da Silva – Belém de Maria (PE)

Inova IEMA – IEMA – Instituto Estadual de Educação Ciência e Tecnologia do Maranhão Unidade Plena Itaqui Bacanga – São Luís (MA)

Itavivo – Escola Municipal Constâncio Maranhão – Vitória de Santo Antão (PE)

O Desafio 

O Desafio Inova Escola é promovido pelo Programa ProFuturo, da Fundação telefônica Vivo e Fundação Bancária “la Caixa”. Seu objetivo é fomentar processos inovadores no âmbito escolar que favoreçam a construção de uma cultura de inovação na escola e o desenvolvimento dos estudantes nas competências para o século XXI. O diferencial do Desafio é o caráter colaborativo no qual educadores construíram, em equipes, projetos que possam melhorar o ambiente escolar por meio de uma trilha formativa.

O Desafio Inova escola conta com a parceria da Representação no Brasil da Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (UNESCO), da União Nacional dos Dirigentes Municipais de Educação (Undime), do Conselho Nacional de Secretários de Educação (Consed) e do Movimento de Inovação na Educação. A iniciativa também tem a coordenação técnica do Centro de Estudos e Pesquisas em Educação, Cultura e Ação Comunitária (Cenpec).

“Acreditamos que a construção colaborativa é a melhor forma de implantar novos conceitos na educação. Tudo na Fundação segue este fluxo e não seria diferente no Desafio. Os parceiros foram fundamentais na construção de toda a metodologia, desde o fluxo de informações à validação de ideias. Todo o planejamento do Desafio Inova Escola foi uma construção coletiva, ouvimos especialistas, técnicos e escolas e cada um de nossos parceiros colocou sua experiência à disposição do projeto. Isso faz dele um prêmio ainda mais completo e especial”, explica Americo Mattar, diretor presidente da Fundação Telefônica Vivo.

Sobre a Fundação Telefônica Vivo

A Fundação Telefônica Vivo, responsável pelos projetos sociais da Vivo, acredita na Inovação Educativa como forma de inspirar novos caminhos para o desenvolvimento do Brasil a partir da educação. Guiada pela inovação e a disposição em contribuir para a construção de um futuro com mais oportunidades para todos, a Fundação desenvolve projetos que utilizam a tecnologia para gerar novas metodologias de ensino-aprendizagem, estimular o empreendedorismo social e o exercício da cidadania. Com 20 anos de atuação no Brasil, faz parte de uma rede formada por outras 17 fundações presentes da Europa e América Latina, integrantes do Grupo Telefónica.

Sobre o ProFuturo

A iniciativa global ProFuturo é uma união de Fundação Telefônica Espanha e Fundação Bancaria “la Caixa”, com a missão de reduzir as desigualdades da educação em 28 países da África, América Latina e Ásia. Atualmente, 50 milhões de crianças não tem acesso a nenhum tipo de educação. Diante desta realidade, a ProFuturo aspira proporcionar educação de qualidade a 10 milhões de crianças em risco de vulnerabilidade social até 2020.