• Ceclin
ago 13, 2013 0 Comentário


Em Vitória de Santo Antão, músicos protestam pela Rodovia BR 232

(Fotos: Marcio Souza/A Voz da Vitória).

Proprietários de estabelecimentos comerciais também estiveram na mobilização

Um protesto interditou por algumas horas a rodovia BR 232, na manhã desta terça-feira (13), na altura do Km 50, em Vitória de Santo Antão, Zona da Mata do Estado. A manifestação organizada por músicos e proprietários de estabelecimentos comerciais percorreu a Avenida Henrique de Holanda, saindo das proximidades da Delegacia do Município até a sede do Ministério Público, localizada no mesmo perímetro.

Os manifestantes cobram em sua pauta, explicações das autoridades quanto à apreensão de aparelhos sonoros em bares e restaurantes da cidade sem o uso do decibelímetro. Segundo eles, a ação é feita sem algum tipo de notificação ou orientação prévia, mesmo com o volume regular. “Certo que eles cumpram com a lei, mas se quer utilizam o decibelímetro. Muitas vezes, o som está numa altura que não perturba, mas eles levam de todo o jeito”, disse um manifestante que não quis se identificar ao Blog A Voz da Vitória.

(Trânsito ficou complicado na Rodovia).

Outra bandeira levantada na mobilização foi no tocante aos músicos que sempre se apresentam nesses estabelecimentos e são de certa forma prejudicados com esta decisão. Imbuídos diretamente nas reivindicações, eles ressaltam que a proibição desse tipo de entretenimento nos finais de semana, prejudica a classe e consequentemente os lucros obtidos com as apresentações.

Intitulada “Músico Sim, Barulho Não” a manifestação seguiu ordeira, mas alguns motoristas tentaram furar o bloqueio, principiando um tumulto. Com a situação normalizada, os manifestantes reuniram-se defronte a sede do Ministério Público, onde em acordo com a Polícia, liberaram uma das faixas. No local, foi formada uma comissão para negociar acerca do caso com a Promotoria que se comprometeu em avaliar a situação dos músicos e proprietários.