Ceclin
jul 05, 2016 0 Comentário


Em Vitória, ampliação da Sadia poderá contar com investimentos de R$ 70 milhões

BRF-Vitória-interno

A 94ª Reunião do Conselho Estadual de Políticas Industrial, Comercial e de Serviços (CONDIC), vai analisar hoje projetos de concessão de incentivos fiscais de empreendimentos interessados em se implantar ou ampliar suas atividades em Pernambuco onde a BRF – detentora das marcas Sadia, Perdigão e Qualy – para a expansão das atividades da empresa no Estado. Com o acordo, a BRF deve ter aprovado o projeto de R$ 70 milhões na ampliação do centro de distribuição e da unidade fabril instalados no município da Vitória de Santo Antão, na Mata Sul.

Os dois empreendimentos são responsáveis pela manutenção de aproximadamente 20 mil empregos diretos e indiretos na região de Vitória. A partir desse incremento, a empresa vai concentrar, dentro de seis meses, as suas operações de logística em Pernambuco. A Reunião do Condic deve aprovar ainda o projeto da Indústria de Molduras Santa Luzia em Bezerra e mais 10 Centrais de Distribuição. Ao todo serão apreciados 34 nos empreendimentos. A reunião deve ser dado esclarecimentos sobre como ficarão os empreendimentos apreciados agora com a decisão do governo de que deve atingir quase 1.200 indústrias pernambucanas que foram beneficiadas com os programas de incentivos fiscais. No dia 16 de junho último, o Conselho Nacional de Política Fazendária (Confaz) aprovou ontem, por unanimidade, um convênio que autoriza a cobrança de 10% de toda a parte isenta referente ao Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS).

Jornal do Commercio