• Ceclin
out 10, 2013 0 Comentário


Em Vitória, Aglailson não consegue maioria e tem contas rejeitadas

Em Sessão Ordinária na Câmara de Vereadores da Vitória de Santo Antão, na Zona da Mata do Estado, ocorrida na manhã desta quinta-feira (10), foram julgadas as contas referentes ao ano de 2006 da gestão do ex-prefeito José Aglailson Queralvares (PSB), as quais foram rejeitadas pelo Tribunal de Contas do Estado (TCE), ficando na responsabilidade do poder legislativo local, o julgamento delas, sob recomendação do Tribunal que as rejeite, conforme Processo TC nº 0720035-3.

A Sessão teve início às 11h, mas a votação se deu às 13h, sendo aberta pelo Presidente do Legislativo, Vereador Edmo Neves (PMN), o qual votou contra o ex-prefeito. Geraldo Filho, consecutivamente votou e acompanhou a decisão do primeiro voto. Edinho, por sua vez, absteve-se.

Sandro da Banca, o 4º a votar, favoreceu José Aglailson. Irmão Duda, favoreceu ao TCE, votando contra o socialista. O Dr. Edvaldo Bione, 6º da vez, votou a favor. O 7º voto foi dado por Edmilson Zacarias – o Novo da Banca, o qual se mostrou a favor de Aglailson. Danda da Feijoada finalizou seu voto a favor do socialista, sendo o 8º a votar. Dr Saulo usou a tribuna e afirmou ser a favor e consequentemente, Bau Nogueira, também a favor. O Vereador Antônio Gabriel, “Toninho” não compareceu a Sessão.

Aglailson necessitava de 08 votos a seu favor, o que representaria 2/3 do total,  porém obteve apenas 06. Portanto, vingou a recomendação do TCE/PE.

Acompanhe maiores detalhes clicando AQUI.