Ceclin
dez 27, 2012 9 Comentários


Em pleno século 21, Vitória de Santo Antão detém cidadãos que moram em ‘casas de taipa’

Famílias da comunidade do Oiteiro ainda moram em ‘casas de taipa’ por culpa do Prefeito Elias Lira

 

Após aprovação por parte da Câmara Municipal em dezembro de 2011 da Lei que concede a doação de terreno público a moradores de ‘casas de taipa’ da Comunidade do Outeiro, Zona Rural da Vitória de Santo Antão, as pessoas beneficiadas ainda aguardam indignadas a liberação por parte da Prefeitura de Vitória. Estas residências deverão ser substituídas por casas de alvenaria a serem executadas pela CEHAB, através do Governo do Estado.

“As condições destas famílias são desumanas. Apesar do forte processo de industrialização de Vitória, ainda convivemos com moradores em casas de taipa, a exemplo da comunidade do Oiteiro, pois até hoje a Prefeitura não deu os títulos de posse a dezenas de famílias que esperam impacientes”, relata Ramon, presidente da Associação de Oiteiro.

A ação faz parte do programa “Operações Coletivas” que trata-se de um projeto social do Governo Federal em parceria com o Governo do Estado, através da CEHAB e a Caixa Econômica Federal (CEF) a fundo perdido, em contemplar Outeiro com uma das ações deste programa que deverá beneficiar com a casa própria parte das famílias de baixa renda que moram em ‘casas de taipa’. Pelo qual, depende tão somente do Prefeito Elias Lira (PSD) para entrar em execução, em razão da CEHAB só fazer a construção destas casas se a documentação estiver em ordem, o que não é o caso.

A comunidade e este Blog cobram uma posição oficial da Prefeitura da Vitória de Santo Antão para a resolução deste já fatídico problema conforme publicado AQUI.