Ceclin
ago 29, 2013 0 Comentário


Em Passira, vereador vota contra homenagem ao próprio pai

Câmara de Vereadores de Passira detém um “feudo” familiar: dois irmãos e dois sobrinhos exercem a vereança

Reconhecido pela significativa contribuição ao município de Passira, no Agreste de Pernambuco, o lendário vereador José Sebastião da Silva não obteve a unanimidade nem de seu próprio filho, agora vereador. A votação para definir o nome do Plenário da Câmara Municipal se deu na terça-feira (27), pelo qual os vereadores teriam que decidir pelo nome ou não do ex-parlamentar.

Fia de Sebastião Luiz, filho do homenageado, preferiu ser contrário a escolha para denominar o Plenário Legislativo. Por 5 votos a favor e 4 votos contrários, o ex vereador José Sebastião da Silva terá seu nome fixado na Câmara de Vereadores de Passira.

Contudo, a curiosidade deste fato não cessa aqui. O Legislativo de Passira detém praticamente toda uma família atuando no parlamento. O homenageado, José Sebastião da Silva fez escola, pois ele deixou dois filhos e dois sobrinhos exercendo neste momento o mandato parlamentar. Além de ter Fia de Sebastião Luiz (PR) como filho, há outro, o Tão de Sebastião Luiz (PSB). Para provar que a família é ‘boa de urna’, contam ainda com Everaldo Luiz (PRB) e Toinho de Antonio Luiz (PSDB), ambos sobrinhos do homenageado. Entretanto, pelo menos neste ponto a família não se uniu.

com informações do Blog Aventura Passira.