Ceclin
Maio 05, 2020 0 Comentário


Em Moreno, CREMEPE dá 48 horas para regularização da Policlínica Beiró Uchôa

Policlínica Beiró Uchôa - Moreno

O Conselho Regional de Medicina de Pernambuco (Cremepe) notificou nesta terça-feira (05/05) a Policlínica Beiró Uchôa, localizada no município de Moreno, a 21 km do Recife. A gestão municipal terá dois dias para regularizar a escala de médicos, fornecer insumos, medicações e Equipamentos de Proteção Individual (EPI) para as equipes. Se as irregularidades não forem sanadas, no prazo, o Conselho interditará eticamente o serviço.

A medida foi tomadas após a identificação, através do roteiro do CFM, de falta de EPIs, de insumos básicos, exames e medicamentos, além de identificar falha no processo de triagem e, especificamente, para o atendimento da Covid-19, faltam respiradores e material de higienização.

Assim, o Cremepe notificou a unidade dando um prazo de 48 horas para a secretaria municipal de Saúde – a partir desta terça-feira (05/05) – para resolução das irregularidades. “Para efeitos legais e éticos, (a gestão) terá um prazo de 48 horas, a partir da data do recebimento, para comprovar documentalmente as medidas adotadas para corrigir as IRREGULARIDADES, sob pena DESSE ESTABELECIMENTO SOFRER INTERDIÇÃO ÉTICA, CONFORME DISPOSTO NA RESOLUÇÃO CFM nº 2.062/13, além de responder ética e legalmente PERANTE o CONSELHO REGIONAL DE MEDICINA DO ESTADO DE PERNAMBUCO – CREMEPE”, informa a notificação do Conselho. A  notificação também foi enviada à promotoria de Justiça (MPPE) de Moreno.

Assessoria de Comunicação do Cremepe