Ceclin
ago 27, 2012 11 Comentários


Elias Lira sugere no Guia que é amigo íntimo de Lula e Eduardo

Foto do Portal Oficial da Campanha

O prefeito de Vitória passa uma borracha na pecha de ‘direitista’ e se revela com o PSD aliado número 01 de Lula e Eduardo Campos

No quarto programa dedicado aos candidatos a prefeito da Vitória de Santo Antão nesta segunda-feira (27), em todas as emissoras de rádio da cidade e na TV Vitória (canal 58), chegou com imenso esforço em produzir conteúdo e publicizar as propostas dos prefeituráveis. Mostrando que não há qualquer dificuldade política em se relacionar com o governador Eduardo Campos (PSB) e nem com o governo do PT a nível Federal, o candidato a reeleição Elias Lira (PSD), dedicou o seu programa de hoje para agradecer a Lula e a Eduardo as parcerias desenvolvidas com o seu governo.

Citou obras e iniciativas tomadas, resultados desta parceria, porém tenta vender a imagem de que estas obras fazem parte de um esforço do seu governo, o que na verdade trata-se de um sofisma, para tentar convencer o eleitor mais desatento. Elencou as 300 casas e 900 apartamentos do Programa “Minha Casa, Minha Vida”, do Governo Federal com a CEF, onde estão em fase terminativa de construção no final do Bairro de Água Branca, em Vitória. Afirmou que foi o responsável por fazer o calçamento em todas as ruas das Comunidades próximas a Militina e a Conceição, localidades que abrigam programas habitacionais. Mentiu! Pois na verdade este calçamento já está incluso no pacote do Minha Casa, Minha Vida. Há uma orientação do Governo Federal de que as comunidades envoltas ao Programa estejam devidamente urbanizadas para funcionar, evitando deste modo que as unidades habitacionais sejam construídas sem saneamento básico e infraestrutura urbana adequada.

Repetindo diversas vezes como CD arranhado a palavra ‘parceria’, Elias Lira listou diversas obras. Agradeceu a Eduardo pela licitação para a construção da Adutora que beneficiará Vitória de Santo Antão no seu abastecimento d’água. Contudo, esqueceu de dizer que ele, Henrique e Aglailson Júnior foram omissos, enquanto deputados, na cobrança deste tema. Usando a falta d’água como moeda de troca eleitoral junto a população, tentando ludibriar o povo e escondendo de que estes sempre usaram a Compesa local como reduto político e de distribuição de cargos. O Governo do Estado investirá no abastecimento d’água diante dos investimentos internacionais que se abrigam neste momento em Vitória por conta do seu parque industrial. Acusou José Aglailson de trazer apenas uma fábrica enquanto ele trouxe várias (isso inclui também a Kraft Foods em Pombos?). “Tenham um pouco de paciência porque vocês terão água nas suas torneiras”, avisou Elias Lira. É pra rir ou pra chorar?

Sofismático, Elias Lira em seu Guia nesta segunda-feira, afirma textualmente de que o novo Parque de Exposições de Animais e Vaquejada, bem como o Vitória Park Shopping são obras suas. De novo: É pra rir ou pra chorar?

Todos sabem de que se tratou de uma permuta entre a Plus Investimentos e a Prefeitura da Vitória. A mantenedora do Shopping bancou tudo!

Elencando uma série de propostas que pretende executar, caso seja reeleito para o seu quarto mandato como prefeito, Elias Lira repete um modelo de gestão tacanho, anti visionário e longe da resolução dos problemas estruturais que a cidade agoniza, sobretudo com o ‘efeito colateral’ de seu  parque industrial. Com esta prática de governo, tanto Elias quanto Aglailson nos levarão a se transformar futuramente em uma Prazeres (Jaboatão) ou um Cabo de Santo Agostinho: industrialização vivendo com extrema degradação urbana. Torcemos que não!

P.S.: O Guia do candidato Jailton Albuquerque (PT) foi repetido pela 4ª vez. Leia AQUI.

LEIA TAMBÉM:

Aglailson evita mostrar filha no Guia Eleitoral