Ceclin
abr 09, 2011 3 Comentários


Eduardo da Fonte solicita uma auditoria do TCU nas contas da CELPE

O deputado Eduardo da Fonte (PP-PE) resolveu radicalizar sua luta contra a Celpe por causa do anunciado reajuste nas contas de luz previsto para este mês. Ele protocolou um pedido na mesa da Câmara Federal pedindo que o TCU faça uma auditoria na Companhia Energética de Pernambuco.

É que, segundo ele, A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) decidirá no próximo dia 26 qual será o índice de reajuste autorizado para Pernambuco, pelo qual a Celpe propõe 8,67%.
“Antes de aumentar o preço da energia, a ANEEL e a Celpe deveriam descontar no reajuste o crédito que os consumidores de Pernambuco têm. Falta à CELPE divulgar o valor pago indevidamente pelos usuários, em razão do erro identificado pela CPI da Tarifa de Energia nos reajustes anuais, e estabelecer a forma de devolução aos consumidores”, disse o deputado pernambucano.
Segundo ele, “a Celpe também deixou de descontar do aumento os erros da própria empresa (como os erros de leitura do consumo, por exemplo), bem como o valor da chamada receita recuperada, pelo pagamento feito por consumidores que estavam inadimplentes e quitaram os seus débitos”.
Em 2007, o deputado pediu ao TCU uma auditoria nas contas de luz do Estado. O TCU descobriu um erro na metodologia do reajuste e uma cobrança indevida. Com a revisão, disse ele, a tarifa de energia ficou mais barata para todos os pernambucanos. A Celpe não quis se pronunciar sobre o assunto.

(com informações da Assessoria).