• Ceclin
mai 27, 2009 16 Comentários


Dupla ZéGe é a nova atração do folclorismo da política local

18ª SESSÃO PLENÁRIA DA CASA DIOGO DE BRAGA

As 18:00 hs do dia 26.05.2009 o Presidente Mano Holanda (PMDB) presidiu a 18ª Sessão plenária da Câmara de Vereadores da Vitória de Santo Antão, após esvaziamento da ultima Sessão (17ª) por parte de três dos chamados aliados do governo, no ultimo dia 22.05 (quinta-feira), onde não pude fazer a cobertura por estar fora da cidade naquele dia.

Ontem à tarde após consulta na Câmara, havia uma dúvida sobre o horário da realização da Sessão. Se 17 ou 20 hs, face ao lançamento do São João da Vitória de Santo Antão. Por fim, ao chegar as 19:30 hs na Câmara de Vereadores, fui informado que a Sessão mais uma vez esvaziada, foi realizada as 18:00 hs, de forma apenas protocolar (com um raio).

Queremos lembrar que a um custo total de R$ 1.370.000,00 nos cinco meses que se encerram do mandato decorrente, a próxima Sessão foi marcada para o dia 2 de junho, no horário regulamentar, 20:00 hs (esperamos).

Já nos bastidores, notícias correm que vereadores teem pressionado o Presidente para se posicionar em defesa da Casa Legislativa, movendo uma ação contra mim, por relatar a desordem de por parte de Geraldo Enfermeiro e Jose Aglailson (ambos do PSB), no caso PINICOLÂNDIA, que extrapolam constantemente o regulamento interno da Câmara, passando dos 15 minutos que os mesmos tem direito na tribuna para representar os cidadãos vitorienses em cada Sessão.

Por sinal, os todos poderosos já fizeram alusões ao fato em forma de chacota as observações que tenho feito nesta coluna, como por exemplo, “cuidado com o tempo vereador”. Como não bastasse a extrapolação, são discursos extremamente vazios de conteúdo e relatos da mais vergonhosa fase da história de nossa cidade, no período de 2001 à 2008, tentando mostrar como ótimos os negros anos da administração passada.

Por sinal, somado aos fatos, um candidato à palhaço e cuspidor de microfone da TV 58, andou relatando que nós teríamos tirado a matéria da Internet.

É pura e simplesmente um imbecil que não conhece o funcionamento de um Blog. O que não está na página principal, está nos “marcadores” (à direita de sua tela), basta clicar em Elias Martins e qualquer leitor terá acesso a matéria da “Pinicolândia”.

O raciocínio politiqueiro está tomando conta do plenário da Casa Diogo Braga sob as vistas e total consentimento da atual presidência.

O atual governo, após a saída do vereador Pedro Queiroz (PPS), está sem voz para rechaçar tamanhas e descaradas mentiras relatadas pela dupla ZéGe.

Não tenho aqui a intenção que querer calar os representantes eleitos pela nossa população, seja lá quais foram as formas utilizadas para tal, mas, principalmente nós que fazemos a cobertura das sessões, esperamos no mínimo um comportamento parlamentar voltado para a discussão dos verdadeiros problemas que atingem a sociedade vitoriense, que não são poucos. Até 2007, Vitória encontrava-se em 139º lugar em Receita Pública por habitante entre os 184 municípios pernambucanos.

Enquanto isso, o que ouvimos à cada projeto ou grupo de projetos de lei enviados pelo Executivo, são frases como: “O prefeito precisa conversar com os vereadores”.

Se os projetos enviados pelo Executivo, são claros em suas redações, são acessíveis aos mesmos, e uma das funções dos vereadores é avaliar as implicações de tais projetos decidindo pela sua aprovação ou não, qual o sentido desta frase constantemente ouvida nos bastidores da Câmara?

por Elias Martins,
Colunista do Blog.