• Ceclin
set 20, 2008 11 Comentários


Deputados da base de Eduardo se agridem em Vitória

Com exclusividade o Blog apurou agora a pouco que o Aglaílson Júnior agrediu fisicamente o Henrique Queiroz. Os deputados estaduais foram literalmente aos tapas!

O fato aconteceu por volta das 16:30 horas, na Av. Miguel Arraes (antiga Estrada Nova) no bairro do Maués, em Vitória de Santo Antão. O motivo principal foi a disputa de quem convencia mais moradores a colocar as bandeiras de campanha nos telhados das residências da localidade. Os deputados Aglaílson Júnior (PSB) e o Dep. Henrique Queiroz (PR), são da base aliada do Governador Eduardo Campos (PSB) na Assembléia Legislativa de Pernambuco. Contudo romperam relações em virtude da acirrada disputa política na sucessão municipal.

O filho do ex-prefeito José Aglaílson (que é candidato a vereador), discutiu na frente de vários moradores com o Queiroz. Aglaílson Júnior apóia para prefeito na cidade o candidato a reeleição Demétrius Lisboa (Dedé) do seu partido; enquanto o Dep. Henrique Queiroz apóia o seu colega Elias Lira (DEM), que conta inclusive como vice-prefeito na chapa, o filho do deputado, o jovem advogado Henrique Filho. O Dep. Elias Lira fechou a aliança com Henrique para voltar a Prefeitura Municipal.

Segundo testemunhas a briga começou quando Aglaílson Júnior chegou questionando o Henrique Queiroz pelo fato deste está convencendo os residentes a trocar as bandeiras de Dedé pelas de Elias Lira. No afã da troca de acusações os deputados chegaram aos finalmentes e o Henrique Queiroz levou a pior na agressão física.
O Guia do candidato Elias Lira havia dito e denunciado esta semana que partidários do atual prefeito estavam comprando as bandeiras de Elias Lira. A coligação do atual prefeito também acusou os partidários do deputado estarem fazendo o mesmo. Há uma briga de visualização da campanha entre as bandeiras amarelas (Elias) e vermelhas (Dedé).

Houve ainda dentro da discussão, segundo testemunhas, o segurança de Aglaílson Júnior sacar o revólver e apontar para o deputado Henrique Queiroz, pelo qual este segurança (que é policial) foi convencido a reter a arma.

O caso se desenrola neste momento na Delegacia Municipal da Vitória de Santo Antão. MAIS NOTÍCIAS LOGO MAIS!

MAIS AGRESSÕES

Outro político atingido na última quinta-feira (18) foi o Diretor da FACOL – Dr. Paulo Roberto.
Em uma atividade de campanha do candidato a prefeito Elias Lira (DEM), ele acompanhava a Caminhada que passava em direção ao bairro do Lídia Queiroz, quando um grupo de vândalos munidos com pedras, ovos e verduras jogaram violentamente e aleatoriamente sob a multidão que passava com a chapa da Coligação Vitória bem administrada. Nessa confusão o também presidente do Vitória – Paulo Roberto terminou sendo atingido com uma pedra no seu rosto. Este caso já foi denunciado aos órgãos competentes, inclusive a Justiça Eleitoral local.

por Lissandro Nascimento.