Ceclin
jul 04, 2011 0 Comentário


Cremepe divulga estudo sobre a falta de leitos nas UTIs do Estado e cobra medidas

Folha Digital

Na manhã desta segunda-feira (04), uma reunião na sede do Conselho Regional de Medicina de Pernambuco (Cremepe), foi fundamental para divulgar o estudo que trata sobre a falta de leitos nas Unidades de Terapia Intensiva (UTI) do Estado, incluindo as direcionadas a pacientes com problemas contagiosos e parasitais; neonatal; infantil e geral. O conselho utilizou dados do departamento de fiscalização do próprio órgão para mostrar as necessidades do setor.

Os números do estudo mostram que em junho, a demanda total de pessoas que precisaram de leitos na UTI do Estado, mas não conseguiram, correspondeu a 68. A principal é para a UTI traumatológica, ou seja, que atende vítimas de acidentes de trânsito – motoristas, pedestres ou ciclistas -.

Todo o estudo será encaminhado para o Ministério Público, mas a cobrança do Conselho se dirige também para o Estado, na tentativa de que medidas preventivas possam ser tomadas, visando a diminuição dessa demanda.