Ceclin
out 15, 2015 0 Comentário


Começa Semana pela Democratização da Comunicação

democratiza_semana_1Da página do FNDC

A Semana Nacional pela Democratização da Comunicação teve início ontem (14) com atividades confirmadas em pelos menos 13 Estados de todas as regiões do País. São inúmeras ações previstas até a próxima quarta-feira (21) que vão desde panfletagens, debates, audiências púbicas, rodas de conversa, minicursos, oficinas, até intervenções culturais, atos políticos e festas temáticas.

Convocada pelo Fórum Nacional pela Democratização da Comunicação, a ‘Semana’ tem por objetivo a atenção sobre a importância da atualização do marco legal para as comunicações, que contemple todos os setores da sociedade, com ênfase no apoio e coleta de assinaturas ao Projeto de Lei de Iniciativa Popular da Mídia Democrática e cobrar do Poder Público medidas imediatas para avançar na garantia e promoção da liberdade de expressão.

Vale lembrar que menos de dez grupos familiares concentram os principais meios de comunicação no Brasil, numa verdadeiro esquema de monopólios e oligopólios em âmbito regional e nacional. Além disso, cerca de 25% dos senadores e 10% dos deputados controlam concessões de rádio e televisão, violando a Constituição Federal de 1988 e desequilibrando o jogo democrático da representação política. A violação de direitos humanos praticada pela mídia e falta de equilíbrio entre emissoras públicas, comunitárias e comerciais se soma a todo esse cenário de pouca diversidade e pluralidade de ideias, impactando seriamente sobre as condições para o exercício pleno da nossa democracia.

Contexto político

O atual cenário político brasileiro, com o aumento da movimentação antipopular que busca quebrar a legalidade democrática expressa no voto, aliado à promoção, por parte dos governos, de medidas de austeridade que afetam as condições de vida da maioria da população, tornam a luta pelo direito à comunicação ainda mais estratégica se queremos alcançar um projeto justo e democrático para o desenvolvimento do País.

Confira a programação da Semana Nacional pela Democratização da Comunicação em Pernambuco:

Atividades ocorrem em Recife e Paulista, e incluem lançamento de publicações e vídeos, além de debates e rodas de conversa

Ativistas e entidades civis de Pernambuco programaram diversas atividades para marcar a Semana Nacional pelo Direito à Comunicação no Estado. Lançamento de vídeos e publicações, audiências públicas, rodas de diálogo, debates, panfletagens e oficinas estão previstas. Veja os detalhes, compartilhe e participe!

Dia 14/10 (quarta) – Lançamento itinerante do Manual Prático (muito prático mesmo) do direito à comunicação. Ponto de encontro: Av. Rio Branco (Recife/PE), às 10h. (Org.: Centro de Cultura Luiz Freire/CCLF).

Dia 15/10 (quinta) – Lançamento internético do vídeo “101,5FM: a lenda da Radio Frei Caneca”. Use a hashtag #freicanecafm, a partir das 10h. Mais tarde, às 18h, projeção do vídeo na Praça do Diário (Org.: OrgTerral, Escola Móvel da CUI e Mirim).

– Oficina de Análise Crítica de Mídia, das 8h às 11h, no Centro de Artes e Comunicação da UFPE (Org.: Observatório de Mídia da UFPE e Auçuba).

Dia 16/10 (sexta) – Oficina de Análise Crítica de Mídia, das 8h as 11h, no Centro de Artes e Comunicação da UFPE (Org: Observatório de Mídia da UFPE e Auçuba.

Dia 17/10 (sábado) – “Encontro periférico” – local e hora a definir (Org: Favela News).

– Debate “O poder da mídia na atualidade”, com Nataly Queiroz, Eduardo Amorim e Rosa Sampaio, das 8h às 12h, no Sindsep (Org: UFPE).

Dia 21/10 (quarta) – Roda de diálogo sobre o direito à comunicação, na Faculdade Joaquim Nabuco, em Paulista (PE), às 19h (Org: Fórum de Mulheres de Paulista).

Dia 23/10 (sexta) – Audiência pública sobre o Sistema Público de Comunicação em Pernambuco, na Assembleia Legislativa de Pernambuco, às 9h.

No facebook, confirme presença, confira os detalhes e compartilhe o evento pelas redes: Semana Nacional pela Democratização da Comunicação.