• Ceclin
mai 09, 2019 0 Comentário


Com “Zap do MEI”, plataforma educa empreendedores com dicas de finanças pessoais

Homem-no-celular

Serviço prestado pela MEI Fácil leva trilha de educação financeira para o microempreendedor; 70 mil já passaram pela ferramenta

Plataforma de serviços financeiros para o pequeno empreendedor, a MEI Fácil lançou um novo programa de educação coletiva para dar suporte aos microempreendedores individuais na gestão dos seus negócios. No berço da inovação, a startup agora comemora os resultados positivos que vem obtendo na ferramenta “Zap do MEI”, na qual utiliza o app WhatsApp para oferecer lições de educação financeira e de gestão para os clientes que buscam ajuda com o assunto.

Há cerca de um ano no ar, o programa já educou mais de 70 mil empreendedores, que receberam consultoria por dez dias, abordando dicas de gestão financeira, orientação sobre MEI, além de orientação de como crescer o negócio por meio do CNPJ. “Foi muito importante para meu empreendimento esse conteúdo que recebi. Não tenho tanto tempo para ficar pesquisando cursos e materiais mais profundos, então vi no Zap do MEI a chance de entender melhor meu negócio e o que posso fazer enquanto microempreendedor, além de ter uma informação mais próxima – antes tinha que viajar 600 quilômetros para buscar informações. Uma das lições que salvaram minha empresa foi uma que aborda o parcelamento da dívida, sem dúvida”, conta, em depoimento, um MEI que utilizou a ferramenta.

São esses os dez passos abordados no projeto, sendo entre eles: benefícios do INSS; nota fiscal; parcelamento do MEI; declaração anual do MEI; maquininha de cartão; entre outros. No último dia, é realizado um encerramento com o apanhado do que foi falado e com orientações finais para o empreendedor.

A facilidade de comunicação e de alcance do “Zap do MEI”, além de seu conteúdo altamente instrutivo, trazem impacto imediato ao público e já colocam a ferramenta como uma das maiores ferramentas do País sobre gestão e educação financeira. Recentemente, a empresa foi indicada como uma das finalista do Prêmio Tela Viva Móvel, do Mobile Time, pela atuação com a plataforma.

“É um serviço que, além de inovador, é necessário. Com as facilidades de se abrir um negócio hoje em dia, surgem juntos urgências como cumprir as obrigações legais e gerir questões básicas, como aumentar as vendas, reduzir calores e conseguir empréstimos. Com isso, tentamos preencher mais uma lacuna aos microempreendedores, o que torna a MEI Fácil ainda maior nesse universo. Fazemos também uma análise de dados que nos permite direcionar conteúdos e as melhores soluções financeiras para cada tipo de cliente, ajudando no crescimento do nosso negócio. Além disso, fazemos uma profunda análise de dados para selecionar o público participante. Nós tentamos escolher os empreendedores que mais precisam de ajuda naquele momento. Isso torna a ferramenta um sucesso, e não uma estratégia de marketing para capturar leads.”, aponta Rodrigo Salem, sócio-fundador da MEI Fácil.

Sobre a MEI Fácil

A MEI Fácil foi fundada em janeiro de 2017 com o objetivo de ser a grande parceira do microempreendedor individual. A empresa já atende mais de 500 mil clientes ativos e oferece auxílio em processos como a obtenção de CNPJ, notas fiscais, além de serviços financeiros simplificados e de baixo custo por meio de seu aplicativo. Ela foi recentemente premiada pela Universidade de Columbia, nos EUA, como referência global em negócios de impacto, primeira vez que uma startup da América Latina ganha o prêmio.