• Ceclin
abr 25, 2019 0 Comentário


Cinco chapas concorrerão à reitoria e vice da UFPE

Florisbela Campos foi a 1ª gestora do CAV UFPE

Florisbela Campos foi a 1ª gestora do CAV UFPE

A Universidade Federal de Pernambuco (UFPE) homologou na quarta-feira (24/4) as cinco chapas inscritas para a eleição de reitor e vice-reitor relativa à gestão 2019-2023. A comissão que supervisiona o pleito se reunirá nesta quinta-feira (25), às 10h, com os candidatos ou seus delegados para definir as regras da propaganda eleitoral. Os concorrentes podem iniciar a campanha já na sexta-feira, após o encontro. A consulta à comunidade acadêmica tem o objetivo de elaborar a lista tríplice de nomes que será submetida à escolha do presidente da República Jair Bolsonaro (PSL).

Os mesários devem ser designados até o dia 03 de maio e a eleição será dividida em dois turnos, em 29 de maio e 12 de junho. A apuração e a divulgação dos resultados serão realizadas nos mesmos dias das consultas. No dia 2 de julho, será enviado o relatório final ao Conselho Universitário da UFPE.

Uma das chapas traz o diretor do Centro de Educação, Alfredo Macedo Gomes, como candidato a reitor, e o professor do Departamento de Oceanografia Moacyr Cunha de Araújo Filho para vice. Outra terá o coordenador do grupo de pesquisa GepMarx, Daniel Álvares Rodrigues, concorrendo a reitor, e a coordenadora das pesquisas do Acervo Recordança, Roberta Ramos Marques, como candidata a vice.

O ex-pró-reitor de Extensão Edilson Fernandes de Souza concorre à reitoria ao lado do professor Sandro Cozza Sayão, que tenta o cargo de vice. A única mulher candidata à função máxima da UFPE será a atual vice-reitora Florisbela de Arruda Câmara e Siqueira Campos, que terá como candidato a vice o diretor do Centro de Informática (CIn), André Luís de Medeiros Santos.

Também fazem parte da lista o diretor do Centro de Ciências Sociais Aplicadas, Jeronymo José Libonati, que concorre a reitor, e o candidato a vice na mesma chapa, o professor do Departamento de Bioquímica e Biofísica e diretor do Laboratório de Imunopatologia Keizo Asami (Lika), José Luiz de Lima Filho.

Atualmente, a UFPE tem três campi (Recife, Caruaru e Vitória de Santo Antão), 105 cursos de graduação, 133 cursos de pós-graduação, 30,6 mil alunos de graduação, 12,7 mil alunos de pós-graduação, 2,8 mil professores e 4,1 mil servidores técnico-administrativos.

Diario de Pernambuco