• Ceclin
set 15, 2017 0 Comentário


Cerca de 1.500 kg de carne abatida em Água Preta é apreendida pela Adagro

A carne foi abatida no matadouro municipal de Água Preta e estava sendo transportada sem documentação e sem nota fiscal. Foto: Divulgação

A carne foi abatida no matadouro municipal de Água Preta e estava sendo transportada sem documentação e sem nota fiscal. Foto: Divulgação

Fiscais da Agência de Defesa e Fiscalização Agropecuária de Pernambuco (Adagro) e da Secretaria da Fazenda (SEFAZ-PE) apreenderam, numa ação conjunta, na tarde de ontem (14/9) cerca de 1.500 kg de carne bovina clandestina em São Caetano, no Agreste Pernambucano.

A carne foi abatida no matadouro municipal de Água Preta e estava sendo transportada sem documentação e sem nota fiscal para a cidade de Caruaru, onde segundo o condutor do veículo, iria abastecer um restaurante.

O trânsito de produtos de origem animal, só deve acontecer acompanhado de documentos sanitários e fiscais que comprovem a legalidade e a qualidade do produto que será comercializado. A carne de um município para ser distribuída em outra cidade deve sair de um abatedouro com o serviço de inspeção estadual S.I.E, fato que não aconteceu nesta ação.

Toda a mercadoria foi levada para o posto fiscal da Secretaria da Fazenda em São Caetano e será destruída em Paulista, Região Metropolitana do Recife.