Ceclin
fev 14, 2018 0 Comentário


Carnaval em Limoeiro ainda conta com muita música, frevo e desfile de agremiações

Elba Ramalho em Limoeiro PE

Foliões se despedem do carnaval em Limoeiro com muita música, frevo e desfile de agremiações. Em 11 dias de folia, a Princesa do Capibaribe reuniu mais de 40 mil foliões

Iniciado o resgate da tradição carnavalesca no município de Limoeiro, localizado no Agreste pernambucano, as ruas e avenidas foram tomadas pela energia dos foliões sendo palco de atrações de renomes regionais e nacionais desde o início do mês de fevereiro.

O Bloco Mais Um abriu os festejos que começaram a colorir e agitar a cidade no sábado (3), seguido pelo Baile Municipal na temática “Chacrinha, O Cassino da Folia” com as bandas Pinguim, Luará e o Maestro Lima Neto & Orquestra Metais, que pediram um “BIS” para virar a madrugada na sede da Associação Atlética do Banco do Brasil (AABB).

No domingo (4), chegou o Bloco da Amizade, que fez a população tirar os pés do chão com a cantora Elba Ramalho e a banda Só Zoeira. De acordo com a Polícia Militar, aproximadamente 15 mil pessoas percorreram, só neste dia, a Rua da Alegria e a Avenida Severino Pinheiro com destino à Praça da Bandeira.

Os festejos momescos foram retomados na noite da terça-feira (6), com o bloco Ponto Certo em Folia, que festejou pelas ruas até a Praça do Horto Florestal. Na quarta-feira (7), o Unidas Venceremos agitou a população dos bairros Nossa Senhora de Fátima e Pirauíra já, no Alto de São Sebastião, o Mandacaru Folia arrastou os foliões até o Centro, tendo, na sequência, o Corre para o Carnaval, formado por maratonistas limoeirenses.

A quinta-feira (8), foi o dia da Calú Mulher anunciar sua chegada pelo Alto São Sebastião, Rua da Alegria e Praça, encerrando o percurso na sede do Colombo Sport Club. Fundado em 2012 com o objetivo de aumentar a representatividade feminina nas festividades da cidade e composto por 70 “calus”, o bloco leva o nome da Princesa do Capibaribe ao Carnaval do Recife Antigo todos os anos. Neste ano, elas homenagearam os caboclinhos de Limoeiro.

Os homens que se fantasiam de mulher já são tradição nas sextas-feiras de Carnaval com o Bloco das Catraias que sai do Alto São Sebastião rumo à Praça da Bandeira desde o ano de 1994. A brincadeira começou com um grupo de amigos que jogavam futebol trajando roupas de mulheres e depois saíam nas ruas regidos por uma orquestra de frevo. Nesta sexta (9), ainda de acordo com a Polícia Militar, a estimativa foi em torno de 15 mil pessoas comandadas pelos ritmos de dois trios elétricos com a banda Só Zoeira e outro com Anjos do Forró Elétrico.

No sábado (10), o Bloco dos Garis, com a participação de João Campos, chefe de gabinete do governador Paulo Câmara e filho do ex-governador de Pernambuco e candidato à presidência, Eduardo Campos, reuniu a população mais uma vez nas comemorações. O grupo saiu da Comunidade da Linha e seguiu até o Pátio da Feira, onde as bandas Luará e Pinguim deram toda a energia do Carnaval de Limoeiro.

Limoeiro carnaval 2018

No domingo (11), foi a vez do bloco Morto Carregando o Vivo, que se concentrou no bairro da Cidade Alta, tomar as ruas. Também foi dia do maracatu e do samba no Pátio da Feira. A tarde começou com a tradição do Maracatu Nação Tigre e, depois, o sambista Alex Ribeiro e o grupo Madiba Groove fizeram o povo cantar e dançar. A noite reservou, ainda, o espaço para o grande desfile das agremiações.

Quem chamou a folia na tarde da segunda-feira (12) foi a Tribo Tupinambá, enchendo as ruas de cor e raiz. Em seguida, Tonny Reggae & a Banda Madeira de Lei pediram o tom da música e deram início a mais uma noite carnavalesca. Logo no início da noitinha, Marrom Brasileiro chegou para mostrar os encantos do nosso país em uma mistura de ritmos e repertórios.

Nesta terça-feira (13), foi a vez de Swing é Massa e Maestro Lima Neto & Orquestra Metais comandarem a música. Posteriormente, mais um desfile de agremiações encerrou as festividades. O resultado da disputa que envolve escolas de samba, calus, bois e ursos sairá na quinta-feira (15), às 17h, no Centro Cultural Marcos Vinícius Vilaça, com a entrega de troféus.

E tem mais folia:
16/02 – sexta feira
Bloco da Batida (Povoado de Gameleira)
Orquestra de Frevo
Moura Rossi

17/02 (sábado)
Bloco O Ventilador (Alto São Sebastião)
Bloco Chupa e Deixa (Escadaria do Redentor)
Orquestra de Frevo
Banda Só Zoeira
Banda Levy Swing

18/02 (domingo)
Bloco Cohab Folia
Boi Cara Branca
Romero Ferro
Jorge Riba
Desfile das Agremiações campeãs.