• Ceclin
out 12, 2012 0 Comentário


Campanha Salarial dos Canavieiros segue com negociações

Em dois dias de negociações com a classe patronal, a Federação dos Trabalhadores na Agricultura do Estado de Pernambuco, Fetape, e os Sindicatos dos Trabalhadores e Trabalhadoras Rurais da Zona da Mata conseguiram conciliar 60 das 100 cláusulas da Pauta de Reivindicações da 33ª Campanha Salarial dos Canavieiros e Canavieiras. Dessas, algumas foram acordadas pela Convenção Coletiva 2011/2012.

Ontem (11), durante a 3ª rodada, a expectativa foi de que a discussão de temas como contrato de trabalho por tempo indeterminado, alimentação digna no local de trabalho e salário de R$ 770 seja iniciada. Pela quantidade de pontos a serem abordados, provavelmente, uma nova agenda será marcada para a próxima semana. As reuniões estão acontecendo no auditório da Superintendência Regional do Trabalho e Emprego. Mesmo com os debates ainda em processo, já foi acordado com o patronato que a data-base da categoria ,que é no dia 1º de outubro, está garantida.

Conquistas - No ano passado, entre as conquistas da Convenção Coletiva estavam a cesta básica, sem dedução no salário, e o contrato de trabalho por tempo indeterminado, quando o período de trabalho se estende da safra para a entressafra ou vice-versa. Outro destaque foi para o salário. Enquanto a inflação, na época, era de 7,30%, os trabalhadores conquistaram um reajuste de 9,69%.