Ceclin
jul 31, 2009 3 Comentários


Câmara de Pombos aprova projeto com a participação do povo

A Câmara de Vereadores da Cidade de Pombos na noite desta quinta feira (30), em mais uma Sessão ordinária aprovou projetos e requerimentos oriundos do poder Executivo e Legislativo.
Como é de costume a população sempre comparece para verificar de perto a atuação dos vereadores eleitos com voto popular.

Com a ausência justificada do vereador Murilo (PR), foi iniciada a Sessão com a apresentação de três Projetos e um requerimento.

O primeiro a ser votado foi o projeto de Lei nº. 016/2009 que redefine a estrutura administrativa do Município criando, modificando, renomeando e extinguindo órgãos e cargos para consolidar a legislação pertinente a administração do município. Segundo a Gestora Municipal que enviou este Projeto, o intuito dessas modificações é dar praticidade e dinâmica a gestão municipal. O mesmo foi aprovado por unaminidade tendo apenas uma emenda nas cláusulas a que se refere aos compromissos sociais inerentes à proteção e bem estar de crianças e adolescentes.

O projeto seguinte também de origem da Prefeitura pombense foi o que regulamenta a consignação da folha de pagamentos dos servidores municipais perante as entidades financeiras de crédito, pelo qual este foi aprovado na íntegra e sem emendas.

Em seguida houve a votação do Projeto de origem do Legislativo desenvolvido pelo presidente da Casa Marcos de Porteira (PCdoB), que visa tornar em utilidade pública a Associação dos Deficientes Físicos da Cidade de Pombos, entidade que presta serviços a pessoas com necessidades especiais.

Finalizando o grande expediente, houve a votação e aprovação do requerimento do vereador Beto da Ambulância (PR), que visa o asfaltamento das principais ruas do Município tornando-as assim melhores para a locomoção da população.
Encerrado o grande expediente os vereadores fizeram uso da tribuna para comentários pessoais e prestar esclarecimentos para a plateia que se fazia presente na Casa.

Pela ordem de inscrição a vereadora Neide de Roque (PMN), usou seu tempo livre para agradecer aos colegas de plenário por ter aprovado as emendas do Projeto e parabenizar a sociedade pombense pela participação na elaboração das mesmas, sobretudo ao grupo “Geração Futuro” por sua atuação na área social.
Relembrando o caso da merendeira, a vereadora informou que a mesma desistiu da função e recebeu dois dos cinco meses trabalhados.

Na sequência, o Vereador Chalegre (PMN) fazendo uso do seu tempo, elogiou a atitude da Prefeita Jane Povão (PR) por ter ido pessoalmente a Maternidade conferir as denúncias feitas em reuniões anteriores e ao constatar o problema do médico cancelou de imediato seu contrato, abrindo espaço para outro profissional. Segundo o vereador, a Prefeita avisou que estaria averiguando outra denúncia e caso se comprove a atitude ‘será a mesma que foi tomada com o médico que dormia durante o plantão’ .

Finalizando o tempo livre, o vereador Beto da Ambulância fez referência aos Projetos aprovados, comentando sobre as vias locais que não foram feitas quando a BR 232 foi duplicada, causando dificuldades ao trânsito local.
Em seguida relembrou a necessidade de uma lombada eletrônica para diminuir a velocidade dos carros que transitam pela BR e não respeitam o limite de velocidade do perímetro urbano, causando assim risco as pessoas que precisam atravessar a referida rodovia.

Comentou sobre a possibilidade de se construir um Terminal Rodoviário para Pombos, aproveitando para solicitar que durante a construção do mesmo poderia incorporar ao projeto a realização da via local e de um viaduto de retorno, pois o atual encontra-se muito longe do Centro da cidade.
Finalizou elogiando a atitude da gestora municipal pedindo mais uma vez aos colegas vereadores que continuem fiscalizando os serviços públicos, pois só assim, a população tem os serviços que merecem.

Por Orlando Leite,
enviado especial a Pombos.