Ceclin
ago 25, 2020 0 Comentário


Câmara de Gravatá rejeita conta 2013 do ex-prefeito Bruno Martiniano

A Câmara de Vereadores de Gravatá, no Agreste pernambucano, apreciou a prestação de contas do ex-prefeito Bruno Martiniano, referente ao exercício financeiro do ano 2013.

A sessão legislativa ocorreu pela internet na tarde desta terça-feira (25/08) e entrou pela noite, sob o comando do presidente Léo do AR (PSDB). Pelo placar unânime de 15 votos, Bruno Martiniano teve as contas rejeitadas. Os parlamentares seguiram orientação do Tribunal de Contas do Estado (TCE-PE), que apontou para a rejeição.

Enquanto prefeito, Bruno Martiniano acabou sendo afastado da Prefeitura sob intervenção estadual acusado de diversas irregularidades cometidas durante a sua administração.

Esta foi a primeira prestação de contas votada virtualmente no Legislativo gravataense por conta da pandemia da Covid-19. O advogado de Bruno Martiniano acompanhou a sessão.

com informações do Pernambuco Notícias