Ceclin
out 04, 2021 0 Comentário


Os/as beneficiários/as do SASSEPE exigem respeito

Os mais de 180 mil beneficiários/as do SASSEPE exigem, do Governo, respeito ao direito à vida. O Sintepe e demais sindicatos de servidores que compõem o Fórum coordenado pela CUT e ASSEPE, recebem constantemente, denúncias de beneficiários/as questionando a falta de acesso à consultas, exames, cirurgias e demais procedimentos em todo o Estado.

Há registros de inúmeros atendimentos suspensos por falta de pagamento por parte do Governo. Muitos pacientes, principalmente idosos/as com procedimentos de urgência, estão com o tratamento prejudicado sendo submetidos/as a longas esperas. Crianças estão sem o acesso básico aos pediatras.

O caos no sistema de saúde dos servidores/as públicos/as de Pernambuco está instaurado em todo o Estado. A rede própria, composta por apenas 15 unidades ambulatoriais em Recife e no interior do Estado, além do Hospital dos Servidores, funciona em condições estruturais extremamente precárias, com a falta de equipamentos, insumos básicos e medicamentos para o atendimento dos pacientes.

Vale destacar que o Hospital, além de sucateado em sua estrutura física, se encontra desabastecido em muitos insumos e medicamentos básicos. O débito estocado com os credenciados e fornecedores se encontra em patamares elevadíssimos, contribuindo fortemente, com esse triste cenário. O caixa do SASSEPE encontra-se mais que defasado, considerando a necessidade de assistência para mais de 180 mil vidas.

Os servidores/as contribuem mensalmente. Mesmo com o congelamento salarial, assumem 70% do caixa e o Governo apenas 30%. Por meio do Sintepe, da ASSEPE e demais sindicatos do Fórum, os/as beneficiários/as solicitam reunião, urgente, com o Governador do Estado, para tratar da grave situação.

Confira a agenda de lutas em defesa do SASSEPE

PLENÁRIA VIRTUAL
Segunda, 4/10 às 10h

ATO PÚBLICO
Quinta, 7/10 às 9h
Recife | Praça da República.

SINDICATO DOS TRABALHADORES E DAS TRABALHADORAS EM EDUCAÇÃO DE PERNAMBUCO