Ceclin
Maio 11, 2021 0 Comentário


Autorizada obra da Rede Novo Atacarejo em Gravatá

Com mão de obra 100% gravataense, 300 empregos diretos e 1,5 mil indiretos serão gerados pelo novo empreendimento. Fotos: Divulgação

Na manhã da terça-feira (11.05), o prefeito e ex-Padre Joselito Gomes (PSB), e o vice Júnior Darita, entregaram ao presidente da Rede Novo Atacarejo o Alvará de construção do mercado, que será erguido em uma área às margens da Via Local da BR-232, ao lado do Abrigo dos Velhinhos de Gravatá, no Agreste pernambucano. Na ocasião, estiveram presentes os vereadores Cabritinha, Leandro do Transporte Alternativo e Nego Suíno.

“Estamos aqui em Gravatá hoje e, primeiramente, quero agradecer ao prefeito e ao vice, e toda equipe que nos recebeu há quase 60 dias atrás para falarmos sobre empreendimento que estamos trazendo para Gravatá. Estamos recebendo hoje, oficialmente, o Alvará de Licença de Concessão, então aqui a gente firma o nosso compromisso com o prefeito, equipe e com a cidade de Gravatá. Dentro de 90 dias já vamos começar nosso recrutamento de seleção e em 120 dias a inauguração no final de agosto”, pontua o presidente do grupo Novo Atacarejo, Daniel Costa, complementando: “Estamos trazendo esse empreendimento para Gravatá e toda região, onde nós vamos gerar 300 empregos diretos e mais 1.500 indiretos e o principal… vamos baixar todo custo de vida de Gravatá e região”.

O engenheiro responsável pela obra, Lucian Fragoso, da empresa Monthé Engenharia, adiantou como vai entregar a obra em três meses. “O grande segredo dessa obra é você iniciar as atividades no canteiro com todo o restante da obra já contratado e planejado. Então, neste momento, nós já temos todas as especialidades contratadas: moldado, estruturas metálicas, instalações, ou seja, todos os parceiros definidos porque esta já é a sexta unidade do Novo Atacarejo que estamos construindo. Se Deus quiser, dentro da experiência e do planejamento normal, a gente está com a previsão de inauguração para a última semana de agosto”, assegurou.

O prefeito Joselito Gomes vê a chegada da Rede Novo Atacarejo como um convite para outros empreendimentos investirem na cidade. “A população pedia que Gravatá pudesse receber empreendimentos, pois nossa cidade não é só Turismo. Precisávamos também de outras alternativas para que a nossa população pudesse ter oportunidades de trabalho”, frisou.