Ceclin
jul 01, 2021 0 Comentário


Assistente Parlamentar morta a tiros sofria ameaças em Vitória de Santo Antão

A Assistente Parlamentar lotada na Câmara de Vereadores da  Vitória de Santo Antão, na Mata Sul de Pernambuco, foi assassinada a tiros na noite dessa quarta-feira (30.06), enquanto pilotava sua motocicleta no Bairro de Caiçara III, área urbana da cidade.

Josineide Vitor dos Santos, 37 anos, foi alvejada com dois tiros nas costas. Ela chegou a ser socorrida para a Emergência do Hospital João Murilo de Oliveira, porém deu entrada sem vida. Dezenas de pessoas amigas da vítima, conhecida por Neidinha, lotaram a Emergência do Hospital, entretanto, assistiram o corpo dela sendo encaminhado, ainda na noite de ontem, para o Instituto de Medicina Legal (IML), em Recife.

Amigos e parentes de Neidinha descartam a possibilidade de latrocínio (assalto seguido de morte), pois nenhum pertence da mulher foi levado.

A versão que vem sendo aprofundada pela Polícia Civil é de que o crime foi uma execução, pois a vítima estava recebendo ameaças de morte através de ligações telefônicas e de suas redes sociais, o que a fez prestar algumas queixas de ameaças na Delegacia de Vitória ao longo do martírio em que a incomodava.  A Polícia Civil instaurou um inquérito para elucidar o assassinato, instante em que um homem, de nome não revelado, é o principal suspeito.

Neidinha trabalhava há 17 anos como Assessora do Vereador Novo da Banca (Republicanos). “Há algumas semanas ela havia comentado comigo sobre essas ameaças, porém achávamos que seriam trotes. Considerava Neidinha além de ser meu braço direito, ela era como uma irmã pra mim. Não sei como será minha vida pública daqui em diante, pois ela representa um importante legado em nosso mandato”, declarou o parlamentar durante entrevista a uma emissora de rádio local.

O Vereador adiantou que o sepultamento de Neidinha se dará no final da tarde desta quinta-feira (1º), quando o velório, a pedido da família, se dará na Capela de Gameleira, na área rural de Vitória.

Em menos de um ano, esse é o segundo assassinato envolvendo servidor da Câmara de Vereadores de Vitória. Outro crime de morte se deu em dezembro de 2020, na comunidade de Dois Terreiros, reveja detalhes clicando AQUI.