Ceclin
jul 11, 2011 0 Comentário


AS NEGOCIAÇÕES PERMANECEM

Na plenária do Sintepe, ocorrida no último dia 06, a direção do sindicato apresentou a proposta do Governo destinada ao conjunto dos servidores estaduais e que na educação atinge aos auxiliares, assistentes, técnicos e psicólogos educacionais.
A proposição contém reajustes no código de vencimento base em setembro de 2011, janeiro e junho de 2012, além de 5% nas gratificações de exercício em setembro próximo. Por ela, não haverá servidor recebendo abono para sua remuneração atingir o valor do salário mínimo. Dessa forma, no total os auxiliares e assistentes terão um reajuste entre 20 e 27%, enquanto os técnicos e psicólogos acumulam 17%.

Já o pagamento do vale transporte em pecúnia e o reajuste do vale alimentação o governo continua negando.

As negociações permanecem, estando marcada para o dia 19 de julho reunião com a Secretária de Educação, quando serão discutidas questões pedagógicas, administrativas e pendências.
A nova proposta apresentada pelo Governo é resultado da nossa mobilização e argumentação, pois inicialmente ele propunha apenas 4% a partir de setembro. Contudo, ainda há muito que avançar.

Em ano de formatação do Plano Nacional de Educação, devemos manter a luta por nossas bandeiras, entre elas a da construção do piso salarial dos trabalhadores da educação, não só do magistério. Portanto, se faz necessário ampliar os investimentos, destinando 10% do PIB para educação, como defendem a CNTE, CUT e o movimento social.

Recesso dos administrativos – acordo coletivo 91/92, cláusula vinte e oito:
Os servidores administrativos, durante o período do recesso escolar, farão revezamento igualitário, de modo a assegurar o atendimento das funções mínimas das escolas da Rede Oficial de Ensino.

Sindicato dos Trabalhadores em Educação do Estado de Pernambuco – SINTEPE

Acesse nosso site:

www.sintepe.org.br