Ceclin
dez 04, 2012 0 Comentário


Articuladores da campanha de Beto do Asfalto se reúnem em avaliação festiva

Fotos: Flávio Fox / AVV Imagem.

Apesar de ter obtido uma boa votação com 1.054 votos, Beto do Asfalto (PT), não conseguiu garantir uma vaga na Câmara de Vereadores da Vitória de Santo Antão, sendo o segundo candidato a vereador mais votado da coligação que lançou Jailton Albuquerque (PT/PCdoB/PV) para prefeito. O mais votado desta coligação, o empresário Zé da Juliana Móveis (PV) com cerca 1.400 votos, também não conseguiu garantir uma vaga em virtude da coligação não ter obtido os votos suficientes numa disputa por 11 vagas da Casa Diogo de Braga.

Zé da Juliana depende agora da decisão do Ministro Marco Aurélio, do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), que analisa o Processo Eleitoral impetrado pela Coligação que busca o aumento de mais quatro vagas, tendo em vista que inicialmente o legislativo vitoriense deveria hoje abrigar 15 parlamentares. Na mesma situação de Zé da Juliana, caso o aumento das vagas se confirme, deverão assumir os respectivos mandatos Everaldo Arruda (PDT), o radialista Jota Domingos (PTC) e o líder comunitário Xanuca do Lídia Queiroz (PMN).

Os principais articuladores da campanha de Beto do Asfalto organizaram uma reunião festiva nas propriedades do Sítio Boto, na Zona Rural de Vitória, no último domingo (02), para avaliar o quadro político e sinalizar futuras iniciativas. Sem recorrer ao fisiologismo e não ter “comprado” nenhum voto, os apoiadores do petista avaliam que Beto saiu vitorioso politicamente da disputa. Na verdade, candidato a vereador pela segunda vez, Beto do Asfalto representa hoje a única liderança dentro do PT vitoriense com estável força eleitoral, firmando-se mais uma vez como o candidato petista mais votado na cidade.

O PT de Vitória de Santo Antão reúne hoje as condições necessárias para fazer um projeto político a longo prazo com êxitos no município e sem dúvida, a construção partidária deste processo precisa da expressiva representatividade que Beto do Asfalto tem acumulado. Líder comunitário, carismático, ligado as questões sociais, o jovem político pode conduzir o PT e demais aliados na garantia da renovação política na cidade.