Ceclin
ago 31, 2009 2 Comentários


Arcebispo volta à cidade onde passou a infância

Publicado em 31.08.2009
Margarida Azevedo

VITÓRIA DE SANTO ANTÃO – Duas semanas depois de ser saudado por uma multidão quando tomou posse como arcebispo de Olinda e Recife, dom Fernando Saburido viveu momentos semelhantes, ontem, neste município, na Zona da Mata. Mais de mil pessoas se reuniram na praça principal da cidade para recebê-lo, em homenagem organizada pelos moradores e pela Igreja Católica local. Embora tenha nascido no distrito de Jussaral, no Cabo de Santo Agostinho, Grande Recife, o sacerdote foi morar em Vitória aos 5 anos de idade.

Eram exatamente 18h quando, acompanhado de batedores da Polícia, dom Saburido chegou à Igreja de Nossa Senhora do Rosário. Sinos tocaram, anunciando a presença dele. Com lenços amarelos e brancos, os fiéis demonstraram a alegria de ter o religioso no município. Durante o curto trajeto até a frente do templo, foi bastante cumprimentado.

Dom Saburido recebeu do prefeito Elias Lira (DEM) as chaves da cidade. Soube pelo presidente da Câmara de Vereadores, Manoel de Holanda, que ganhará o título de Cidadão de Vitória. “Senti uma emoção muito grande na minha posse, no Recife. Também aqui estou emocionadíssimo e feliz com a acolhida. Já me sentia filho de Vitória. É com grande alegria que receberei o título de cidadão da cidade”, comentou.

Em cortejo, seguiu até a frente da Matriz de Santo Antão, onde foi celebrada uma missa. O padre Renato Cavalcanti, pároco da matriz, fez dois pedidos ao arcebispo: que sejam criadas duas novas paróquias no município (Maués e Pirituba) e que o diácono Egnício Alves de Lira seja ordenado padre. “É um sonho de Egnício virar padre. Ele só não seguiu a vida sacerdotal porque não teve condições de pagar os estudos”, contou padre Renato.

Seis dos sete irmãos de dom Saburido, além de sobrinhos e outros parentes, acompanharam as homenagens. Estavam lá Rosângela, Carmem, Maria Dulce, Sérgio, Pedro e Evaldo Saburido. Apenas Francisco de Assis, que mora em Araripina, não foi. “Estamos muito felizes. Tonho (como é chamado pela família) sabe escutar, tem humildade e é um homem de diálogo”, comentaram as irmãs Rosângela e Carmem. Moradores de Jussaral também estavam presentes.
Mesmo sem conhecer dom Saburido, a manicure Severina Vicente da Silva fez questão de ir à matriz saudá-lo. “Tomara que ele seja um bom arcebispo.”

A estudante Simone Oliveira se apressou em cumprimentá-lo, assim que ele chegou à cidade. “É filho de nossa terra e estamos orgulhosos disso. Espero que os jovens voltem a frequentar a Igreja, atraídos pela renovação que vem com dom Saburido”, observou.

POSSE

Amanhã, às 9h, tomará posse como vigário-geral da Arquidiocese de Olinda e Recife o padre Lino Rodrigues Duarte, 57 anos, administrador da Paróquia de Nossa Senhora de Fátima, em Bairro Novo, Olinda. A cerimônia será na Capela de Nossa Senhora da Conceição, que fica na sede da Cúria Metropolitana, na Várzea, Zona Oeste do Recife.

Na próxima segunda-feira, dom Saburido viajará a Roma, na Itália, onde passará 20 dias, participando de uma visita ao papa Bento XVI. Ele integrará uma comitiva de bispos da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil, Regional Nordeste II.
(Jornal do Commercio).