Ceclin
fev 17, 2011 0 Comentário


Aprovado reajuste do salário mínimo para R$ 545

Agência Brasil


Os deputados encerraram há pouco a fase de discussão do projeto de lei do Poder Executivo que reajusta o valor do salário mínimo para R$ 545 e estabelece uma política de valorização do mínimo até 2015.

Discutiram a matéria 40 deputados, sendo que 20 falaram a favor e a outra metade contra o projeto. Ao todo foram apresentadas 22 emendas para alterar o texto da proposta, durante a fase de discussão. Novas emendas não poderão ser mais apresentadas. Caberá agora ao relator da matéria, deputado Vicentinho (PT-SP), dar parecer às emendas para que elas sejam votadas.

Mesmo com o encerramento da discussão da proposta, que durou quase seis horas, os deputados ainda poderão falar sobre a proposta durante a sessão. A primeira votação será das emendas com parecer contrário do relator. Como o relator manteve o texto do governo, ele dará parecer contrário a todas as emendas. Essa votação será simbólica e todas as emendas serão votadas de uma única vez.

Votadas as emendas, também em votação simbólica, os deputados votarão o texto apresentado pelo relator, ressalvados os destaques. Acordo de lideranças estabeleceu que serão realizadas no mínimo duas votações nominais.

Uma delas será sobre o destaque do PSDB que propõe a elevação do salário mínimo para R$ 600 e a outra será sobre o destaque do DEM que reajusta o mínimo para R$ 560. Caso essas votações levem mais de uma hora cada poderá haver outras votações nominais de destaques da oposição.