Ceclin
ago 02, 2017 0 Comentário


Após tentar matar homem em Amaraji, dupla é presa no confronto com a PM em Chã Grande

prisões em Chã Grande

A 5ª CIPM, responsável pelos municípios de Gravatá e Chã Grande, fez na tarde dessa terça-feira (1º), a apreensão de dois suspeitos após tentativa de homicídio no município de Amaraji, na Mata Sul. Ednaldo Alexandre da Silva, de 31 anos, e João Paulo de Santana, 25, foram detidos após perseguição e troca de tiros, na cidade de Chã Grande.

Segundo a PM, a dupla atentou contra a vida de Claudenor José da Silva, de 55 anos, servidor público de Amaraji, quando depois empreenderam fuga. O efetivo militar foi acionado montando barreiras na entrada de Chã Grande, iniciando a troca de tiros.

Após a primeira troca de tiros com a Polícia Militar, os indivíduos saíram da Rodovia PE-71, seguindo pelas ruas de Chã Grande. Na Rua do Campo, eles deixaram o carro Sandero de placa PZU 0466 em que estavam, tentando invadir residências de populares. A PM conseguiu prender a dupla, que foi encaminhada para a Delegacia, de onde seguirá nesta quarta-feira (2) para audiência de custódia em Vitória de Santo Antão. O veículo utilizado se encontra apreendido na Delegacia local.

Reconhecimento

Claudenor José da Silva, 55

Em um vídeo publicado nas redes sociais, a vítima reconheceu os autores da tentativa de assassinato. Em observação médica, Cláudio relatou o caso como ocorreu e afirmou que os dois são os autores dos disparos, que por pouco não lhe custaram a vida.

Claudenor atribuiu o crime a mando de sua irmã que o teria ameaçado e pago para que tirassem sua vida. A vítima foi atingida por dois disparos e encontra-se em observação em um hospital da Região Metropolitana do Recife (RMR).

Procurado

Um dos autores da tentativa de assassinato é um dos mais procurados pela Polícia Civil em todo o Estado de Pernambuco. Trata-se de Ednaldo Alexandre, que é considerado o terceiro homem mais procurado no Estado, segundo as informações policiais. Tanto Ednaldo quanto João Paulo possuem passagem pela Polícia, pelos crimes de homicídio.

com informações do Chã Grande News e Amaraji Notícias