Ceclin
ago 02, 2016 0 Comentário


Após reunião com governo, policiais civis descartam paralisação em Pernambuco

whatsapp_image_2016-08-02_at_12.01.28

Após realizarem uma passeata pelas ruas do Centro Recife na manhã dessa terça-feira (2),uma comissão de Policiais Civis foi recebida no início da tarde pelo secretário-executivo da Casa Civil, Marcelo Canuto, e desconsiderou a possibilidade de paralisar as atividades. Durante o encontro, o governo e o Sindicato dos Policiais Civis de Pernambuco (Sinpol) agendaram uma nova reunião para o dia 16 de julho. De acordo com o presidente do Sinpol, Áureo Cisneiros, o encontro desta terça-feira teve o objetivo de reabrir as negociações com o governo de Pernambuco. “Bloqueamos uma possível greve e agendamos uma nova reunião para traçar o Plano de Cargos e Carreira em conjunto com o Estado”, alegou.

Entre as reivindicações dos policiais civis estão a diminuição do final da carreira de 30 para 18 anos e uma vantagem de 7% nos salários em relação aos cargos inferiores. A categoria ainda pede isonomia salarial dos papiloscopistas em relação aos peritos criminais. O site procurou a Casa Civil e o órgão informou que a Secretaria de Administração (SAD) irá se pronunciar sobre a reunião.

Protesto

Os manifestantes saíram da sede do Sindicato dos Policiais Civis (Sinpol), no bairro de Santo Amaro, por volta das 10h30 desta terça (2) e seguiram em passeata por avenidas como a Cruz Cabugá e a Conde da Boa Vista, em direção ao Palácio do Campo das Princesas, sede do governo estadual. O trânsito ficou lento na região durante o ato.

G1/PE