Ceclin
dez 16, 2015 0 Comentário


Aos 83 anos, Maestro Aderaldo é homenageado pela Orquestra Ciclone de Vitória

DSCN4776Com um repertório recheado de Frevo, a vitoriense Orquestra Ciclone, além do famoso “Parabéns pra você” tocou músicas tradicionais que ovacionam o frevo de rua.  Sob a regência do Maestro Givaldo Barros, foi até a Rua dos Borges, no Centro da Vitória de Santo Antão, em comemoração aos 83 anos de Aderaldo Avelino da Silva, que atuou por muitos anos como maestro e orientador musical.

DSCN4774Natural de Barreiros (PE), ele se consagrou como “genuíno vitoriense”, pois no início de sua trajetória aos 12 anos, Maestro Aderaldo  ingressou na Banda Musical 11 de setembro, da cidade de Ribeirão, na Mata Sul.  Com o passar dos anos, já profissionalizado,  o mesmo ingressou para reger sua primeira turma na Banda Musical do Antigo Instituto Profissional de Pacas, em Vitória, de 1954 a 1966, onde formou diversos alunos, quando alguns deles ingressaram na Marinha do Brasil.  Em 1967, assumiu a direção da Banda Euterpe 3 de Agosto, onde também formou centenas de estudantes, onde hoje alguns são músicos da Aeronáutica e do Exército.

O estimado Maestro Aderaldo foi regente da Banda Euterpe durante 27 anos, onde encarou diversas dificuldades, algumas delas por ausência de financiamento cultural, porém conseguiu vencê-las. Com sua delicada saúde, teve que se ausentar da sua nobre missão, aposentando a batuta em outubro de 1994.

Diante deste legado, não deixa de contar com o reconhecimento daqueles que fazem da música e do instrumento musical, uma de suas razões para bem viver.

12367058_1178088932219079_812407021_n

Sob o comando do Maestro Givaldo Barros, Orquestra Ciclone abrilhantou o 83º aiversário do Maestro Aderaldo. Fotos: Pedro Silva / AVV Imagem