Ceclin
fev 20, 2016 0 Comentário


Aniversário de 90 anos da morte do Tenente Cleto Campelo tem programação especial em Gravatá

Além de visitas ao Memorial de Gravatá, a programação inclui ainda uma celebração de sufrágio na Igreja Matriz de Sant´Ana, neste domingo (21), às 19h

Mais Agreste 

 

Tenente-Cleto-CampeloO aniversário de morte do Tenente Cleto Campelo, que completou 90 anos na última quinta (18), receberá uma programação especial no município de Gravatá, Agreste de Pernambuco. Para tanto, a Secretaria de Turismo, Cultura, Esportes e Lazer realizará homenagens no Memorial de Gravatá, localizado no Centro da Cidade, além de uma celebração de sufrágio na Igreja Matriz de Sant´Ana, neste domingo (21), às 19h.

Através do tema “Só merece a liberdade quem tem a coragem de lutar por ela”, as visitações ao Memorial são gratuitas e acontecem até este domingo, das 9h às 21h. O local sempre conta com a presença de turistas e da população local, representada por estudantes, historiadores e demais interessados.

De acordo com a Secretária de Turismo, Cultura, Esportes e Lazer, Daniela Alecrim, o objetivo da ação é reviver a história de Gravatá. “Além de homenagear o vulto histórico de Cleto Campelo, a ação irá fomentar a cultura e sensibilizar a população para a importância do fato histórico e a preservação cultural da cidade. Ao mesmo tempo, a ação incrementa a visitação turística ao Memorial de Gravatá”, avaliou.

HISTÓRICO

Cleto Campelo da Costa Filho, ao sair da academia, serviu como aspirante no 21º Batalhão, no Recife, sendo transferido, em maio de 1922, para o 6º Batalhão, sediado em Goiás. ‘Castigavam-no por ter concedido, na passagem pelo Rio’, entrevista ao Correio da Manhã. Por isso, foi preso, por 30 dias, e recolhido à Fortaleza de Santa Cruz. Em 31 de outubro, Campelo foi promovido a 1º tenente. Ele sempre se interessou pelas disputas políticas do seu tempo.