Ceclin
abr 27, 2011 0 Comentário


Anísio Brasileiro vence eleição para reitor da UFPE

Foto: Bernardo Soares/JC Imagem


Candidato foi eleito com 60,8% dos votos nesta terça-feira (26)


Gabriela López
Do JC Online
A Universidade Federal de Pernambuco (UFPE) escolheu o novo reitor nesta terça-feira (26). Anísio Brasileiro, 56 anos, da chapa Consolidar e Inovar, foi o eleito com 60,8% votos e comandará a instituição no lugar de Amaro Lins a partir do dia 5 de outubro deste ano.
Dos 37.926 eleitores aptos (entre alunos, professores e técnicos administrativos), o pleito contabilizou 16.066 votos válidos, 184 nulos e 173 brancos. Foram 85 urnas, instaladas nos campi de Recife, Vitória de Santo Antão e Agreste, em Caruaru.
“Assumimos a partir de agora uma grande responsabilidade, já que fomos eleitos por todos os segmentos [alunos, docentes e técnicos]. Cumpriremos nosso mandato dialogando com os integrantes da instituição e a sociedade”, declarou o candidato eleito. Ele disse, também, que entre as primeiras ações tomadas pela nova gestão estará a reformulação do estatuto e do planejamento da UFPE, além das promessas de campanha.
Brasileiro é professor associado II da área de Engenharia da UFPE e, desde 2007, pró-reitor de Pesquisa e Pós Graduação. As principais bandeiras levantadas por ele são: valorização do ensino da Graduação e Pós-graduação; incentivo à pesquisa pura e aplicada e à inovação tecnológica; criação de um plano de aceleração acadêmica; modernização da gestão; e Programa Universidade Saudável. Ele garante que aplicará as propostas nos três campi.
O segundo colocado (29,23%) foi Pierre Lucena, o candidato mais jovem da disputa, com 39 anos. Gilson Edmar, 68 anos, conquistou 9,97% dos eleitores e o terceiro lugar.
A instituição tem para este ano um orçamento de R$ 749 milhões. Atualmente, são oferecidos 94 cursos de graduação presenciais e a distância e 116 de pós-graduação stricto e lato sensu. O atual reitor, Amaro Lins, está no posto desde 2003.